Bible of the WayBíblia do Caminho  † Temática

Índice Página inicial Próximo Capítulo

Suicídio

 

TEMAS CORRELATOS
(Arrependimento) (Desencarnação) (Desespero) (Desgosto) (Entes queridos desencarnados) (Flagelo) (Fuga) (Loucura) (Morte) (Mensagens familiares) (Tóxico)
(AFORISMOS)
 
  1. A meada [Idem] (A tragédia que se abateu sobre Dona Dulce e o marido por causa da fofoca de uma vizinha) — Irmão X
  2. A mensagem da Rocha (ao homem caído em fundo desalento) (Versos) — Maria Dolores
  3. A grande surpresa — Humberto de Campos
  4. Aflições excedentes (Suicídio indireto) — Emmanuel
  5. Alfred Leroy, suicida (Re)
  6. Amizade e lição (Depoimento de uma jovem, bela e rica, que matou-se depois de haver contraído uma terrível enfermidade) — Maria Tereza de Barros
  7. Anotações sobre o suicídio (Versos) — Lulu Parola
  8. Ante o suicídio — Emmanuel
  9. Aos quase suicidas — Emmanuel
  10. Apoio no lar (Suicídio indireto pelo uso excessivo de drogas psicoativas) — Emmanuel
  11. Arrependimento — Sílvia
  12. Belarmino Bicas (Suicida indireto por encolerizar-se ou magoar-se facilmente) — Irmão X
  13. Carta de um suicida à sua mãe — José Teodoro Caldeira
  14. Causas dos suicídios — Chico/Emmanuel
  15. Companheiro em luta (Depoimento de um suicida que foi médium espírita) — Lima
  16. Conversa de companheiro (com o caro José, que só deseja morrer) (Versos) — Cornélio Pires
  17. Convite ao pensamento (Anexo tabela estatística da desencarnação por suicídio e loucura) — André Luiz
  18. Depoimento (Com uma jovem senhora suicida, aos trinta e dois anos de idade) — Irmão X
  19. Desapontamento de um suicida — Humberto de Campos
  20. Desertor (Soneto) — Galba de Paiva
  21. Desgosto da vida. Suicídio (Lde)
  22. Dirkse Lammers — Comunicação espontânea desse Espírito em Haya: diz ter vivido em 1592 e se enforcado em um estábulo existente no mesmo lugar onde agora era a casa na qual se realizava a sessão espírita (Re)
  23. Dívida agravada (História da dívida agravada de Marina, a quase suicida; e como a atuação imediata do Assistente Silas evitou-lhe o ato extremo) — André Luiz
  24. Doação esquecida (Um irmão menos feliz se rendeu ao suicídio por falta de coragem) — Valérium
  25. Dolorosa advertência (de uma suicida) — Ernestina Vilar
  26. Drama na sombra (A experiência de Jorge, homicida direta e indiretamente e suicida) — Jorge
  27. Duplo suicídio por amor e dever — O drama de Palmira e do Sr. B… (Re)
  28. Encontro em Hollywood (Encontro de Humberto de Campos com Marilyn Monroe. Suicídio indireto) — Irmão X
  29. Encontro singular (Se é verdade que o senhor escreve para a Terra, conte o meu caso, amparando alguém…) — Irmão X
  30. Espíritos culpados — Chico Xavier
  31. Estatística de suicídios (Re)
  32. Eu poderia ter lutado mais um pouco — Pereira
  33. François-Simon Louvet, do Havre — Sexagenário suicida (Re)
  34. Há um século (Narração de um fato ocorrido com Allan Kardec em 1860, quando recebeu um enigmático embrulho contendo O Livro dos Espíritos ricamente encadernado, acompanhado de uma missiva do remetente expressando sua gratidão, pois aquele livro salvara-lhe a vida quando já se encaminhava para o suicídio em uma ponte)  — Hilário Silva
  35. Imortalidade (Conto) — Emmanuel
  36. Imperativo da paciência (por imunização contra o suicídio) — Emmanuel
  37. Loucura, suicídio e obsessão (Qe)
  38. Luta e confia (Soneto) — Arnold Souza
  39. O conto da mosca (A impaciência é vício grave. Falta de caridade para consigo mesmo) — Hilário Silva
  40. O golpe de vento [Idem] (Um caso de suicídio indireto ou não intencional) — Hilário Silva
  41. O encontro com um suicida — Chico Xavier
  42. O grito (Experimentemos a acústica…) — Hilário Silva
  43. O médico espiritual (O Dr. Henrique de Luna, do Serviço de Assistência Médica de Nosso Lar, ao examinar André Luiz recém chegado do Umbral, declara lamentar que o amigo tenha desencarnado em razão do suicídio indireto) — André Luiz
  44. O padeiro desumano — O caso de Mary, a mãe a quem um padeiro negou um pão para saciar a fome de seus filhos e que por roubá-lo, perseguida pela polícia, suicida-se de vergonha e desespero (Re)
  45. O remorso (Soneto) — Antero de Quental
  46. O suicida da Rue Quincampoix (Re)
  47. O suicida da Samaritana (Re)
  48. O suicídio de Judas (Mt)
  49. O suicídio de um ateu (Re)
  50. O suicídio e a loucura (Ev)
  51. Óbitos por alienação mental e por suicídio — Chico Xavier
  52. Mortes prematuras — O abortamento, desencarnação de crianças, suicídio, eutanásia (Estudos Espíritas)
  53. Não fujas — Emmanuel
  54. Pais e filhos (João, pedreiro modesto, às vésperas de sua reencarnação fala de sua bancarrota espiritual: Julgando-se traído pela esposa, e ignorando que o suposto rival era seu amado pai que visitava a nora desolada, eliminou a ambos, suicidando-se depois) — João
  55. Pode o Espírito recuar diante da prova? (Eis a causa da maioria dos suicídios) (Re)
  56. Por cinco dias [Idem] (O caso de Francisco Teodoro, o industrial tecelão de casimiras, que premido por dívidas suicidara) — Hilário Silva
  57. Prece por um suicida (Ev)
  58. Prevenção contra suicídio — Emmanuel
  59. Quase suicida — Emmanuel
  60. Reação imprevista (A única coisa de que devemos ter medo, é de nossa própria reação diante do inesperado…) — Chico Xavier
  61. Reencontro no Além (Versos) — Maria Dolores
  62. Rendição (do quase suicida) — Hilário Silva
  63. Resposta leal (Ao que gostaria de receber um conselho do Plano invisível, para alijar-lhe a ideia do suicídio) — Irmão X
  64. Se te encontras angustiado — Irmão José
  65. Sobre o suicídio (Re)
  66. Sonho inútil [Idem] (Soneto) — Hermes Fontes
  67. Suicida (O caso de Marina. Aborto, seguido de suicídio após desencanto afetivo) — Hilário Silva
  68. Suicida (Soneto) — Honório Armond
  69. Suicidas — Emmanuel
  70. Suicidas (Comunicações de pessoas que desencarnaram pelo suicídio: 9 exemplos) (Ci)
  71. Suicídio — Augusto Cezar
  72. Suicídio (Versos) — Cornélio Pires
  73. Suicídio — Emmanuel
  74. Suicídio dos animais (Re)
  75. Suicídio e delinquência — Emmanuel
  76. Suicídio e obsessão — Hilda
  77. Suicídio falsamente atribuído ao Espiritismo (Suicídio de um casal de idosos desafortunados) (Re)
  78. Suicídio falsamente atribuído ao Espiritismo (O do industrial maçon, fabricante de lâmpadas, que envenenou-se.) (Re)
  79. Suicídio impedido pelo Espiritismo (O caso narrado por uma espírita de Lyon, onde o capitão B…, estando em um restaurante é advertido pelo filho desencarnado, das intenções de um senhor idoso que pretendia fazer sua última refeição para depois suicidar) (Re)
  80. Suicídio indireto — Chico Xavier
  81. Suicídio intencional (Ev)
  82. Suicídio por amor (Re)
  83. Suicídio por obsessão (Re)
  84. Suicidiozinhos — Chico Xavier
  85. Supercultura e calamidades morais [Idem] [Idem] (Interpretação da passagem de Lucas 12.20: “Mas Deus lhe disse: Louco, esta noite te pedirão a tua alma; e o que tens preparado para quem será?”) — Emmanuel
  86. Trabalha e vive (A morte é realmente libertação, mas a fuga ao dever é agravo de compromisso) — Emmanuel
  87. Tarde demais (Soneto) — Guterres Casses
  88. Transformação (Versos) — Maria Dolores
  89. Último argumento (O caso do suicida que não queria reencarnar para poder esperar Dulcila, a noiva que idolatrara. Ao revê-la porém, dirigindo uma casa dedicada à criminosa indústria do aborto, mudou de ideia.) — Hilário Silva
  90. Um caso singular (O suicida anônimo cujos despojos serviram por muito tempo em aulas de anatomia) — Luís Alves
  91. Uma paixão de Além-túmuloMaximiano V…, de doze anos, suicida-se por amor (Re)

  92. Vida e futuro — Emmanuel

  93. Vozes do sofrimento (2 sonetos) — Hermes Fontes (suicidou-se)
OUTRAS REFERÊNCIAS AO TEMA
  1. As criaturas que se suicidam em razão das desilusões encontradas nas ligações afetivas, agravam os sofrimentos de outrem além dos sofrimentos que elas próprias encontram? (Lda)
  2. Em Relação de Mensagens Familiares há inúmeras comunicações de entes queridos que desencarnaram pelo suicídio. Examine a coluna Causa Mortis para identificá-las.
  3. O que ocorre aos suicidas nas vidas ulteriores? (Lda) O que ocorre àqueles que provocaram o suicídio de alguém? (Lda)
  4. Os suicidas (En)
  5. Se você dispusesse de alguns breves instantes para falar a uma pessoa prestes a suicidar-se, que diria a essa pessoa? (Ent)
  6. Suicídio (Estatística) W
  7. Suicídio (Citações e frases célebres sobre o tema) W
  8. Suicídio e sofrimento (En)
  9. Os casos de suicídio nas uniões carnais infelizes agravam provas em casamentos futuros? (Lda)
  10. Quais as primeiras impressões dos que desencarnam por suicídio? (Ocs)
  11. Vide cap. 2 item 2 do livro “Nosso Lar”: André Luiz, suicida?
  12. Vide no item 1 do cap. 39 do livro “Os Mensageiros”: Auxílio espiritual pelo sonho a uma senhora quase suicida.
  13. Vide no livro “No Mundo Maior” cap. 13: A história de Antonina e a desilusão amorosa que fê-la planejar um suicídio.
  14. Vide no cap. 16 do livro “No Mundo maior”: O que se deixa alienar, segundo Calderaro, é um dissimulado suicida, pela autoeliminação de suas harmonias mentais.
  15. Vide no livro “Ação e reação” cap. 7 itens 6 e 7: Tomando um suicídio para exemplo de como funciona os processos de resgates cármicos. Como pode uma criatura endividada perante as Leis Divinas, habilitar-se devidamente para resgatar o preço da sua libertação?
 
AFORISMOS E CITAÇÕES
  1. E depois de lançar as moedas no Templo retirou-se; e foi-se pendurar de um laço. (Suicídio de Judas) — Mateus (Mt)
  2. O suicídio não consiste somente no ato voluntário que produz a morte instantânea, mas em tudo quanto se faça conscientemente para apressar a extinção das forças vitais. — Allan Kardec (Ci)
  3. Todo suicida presume || Que a morte é o fim do amargor, || Sem saber que o desespero || É porta para outra dor. — Casimiro Cunha (Pat)Tx1
  4. Ninguém procure a morte antes do dia em que ela mesma, convertida em anjo piedoso, lhe venha trazer alívio e renovação. Ela deve constituir o ensinamento derradeiro na escola da experiência humana. Compete-nos aguardá-la, com paciência e valor, sem o risco de desequilibrarmos a nossa alma provocando-lhe a foice. — Sílvia Serafim (Ft)Tx46
  5. A pessoa busca esquecimento e ganha memória, mas memória doente, porque a lembrança se transforma em aflição por não conseguir consertar de pronto o que ficou na incerteza. — Jair Presente (Jna)Tx147
  6. Sairás da morte, tantas vezes quantas forem necessárias, mas da vida jamais. — Emmanuel (Rda)Tx171
  7. Se trazes chagas no peito, || Se sofres provas e embates, || Aguenta, de qualquer jeito, || Aguenta, mas não te mates. — Arnold Souza (Tdl)Tx178
  8. Aos irmãos quase suicidas || Esta nota breve e amarga: || Poderás largar o corpo || Mas a vida não te larga. — Arnold Souza (Ruv)Tx201
  9. Que rico tesouro é a vida, || Crescendo de hora em hora, || Fortuna a ti concedida || E tu a jogá-la fora! — Murilo Buarque (Nda)Tx203
  10. Diariamente, batem às portas do Além aqueles que abreviaram a quota do tempo que poderiam desfrutar na Terra, adquirindo problemas da desencarnação prematura. — Emmanuel (Adv)Tx206
  11. Recorda: todo suicida || Despreza o maior dos bens. || Deus te deu na própria vida, || Todo o tesouro que tens. — Jacob Netto (Sdf)Tx215
  12. O suicídio é sempre calamidade contra quem o executa. — Emmanuel (Ao)210
  13. A angústia pesou mais forte || No torturado suicida, || Quando viu na própria morte || A outra face da vida. — Arnold Souza (Pda)Tx222
  14. Vara a ilusão que te ofusca, || Sofre, crê, ama e auxilia… || A morte que não se busca || É uma explosão de alegria. — Sylvio Rangel (Pda)Tx222
  15. O suicida crê, a fundo, || Que será cinza na treva, || Mas não morre e volta ao mundo, || Trazendo as chagas que leva. — Arnold Souza (Pda)Tx222
  16. Ninguém deve e nem precisa provocar a morte do corpo, de vez que não existe pessoa alguma na Terra capaz de afastá-la, quando vem na sequência natural dos acontecimentos da vida. — Artemízia (Rtc)Tx256
  17. Em minha paixão por Joana, || Meu suicídio foi cruel… || Hoje, fui vê-la… Está outra, || Nas distrações de um motel. — Antônio Barros (Tf)Tx267
  18. Não te inclines ao suicídio || Que só por si é doença; || A morte virá sem falta, || Mais veloz do que se pensa. — Arnold Souza (Tf)Tx267
  19. O suicida é um detento sem grades. — Wladimir (Aes)Tx274
  20. O suicídio é uma calamidade para quem o pratica, de vez que suscitado por nossas próprias mãos o processo de sofrimento, não conseguimos prever o ciclo de provações a que teremos todos os sentimentos aprisionados numa rotina em que diariamente se nos refaz o martírio. — Selma (Idb)Tx295
  21. Dos irmãos que se desencarnam, || Pior dor é a do suicida… || Deus me perdoe… Fui um deles || E estraçalhei minha vida. — Arnold Souza (Pdp)Tx346
  22. Se procuras, realmente, a estrada para o Alto, não te detenhas no desejo ruinoso de morrer e, sim, vale-te da oportunidade de lutar para replantar o campo de teus ideais e de tuas aspirações. — Emmanuel (Avr)Tx349
  23. Alma triste que mais chora, || A meu ver, é a do suicida, || Que arrasa o corpo em que mora || E continua na vida. — Arnold Souza (Ta)Tx372
  24. A dor maior do suicida || É sempre reconhecer || Que não perdeu seus problemas || E continua a viver. — Cornélio Pires (Opc12)Tx412