Bible of the WayBíblia do Caminho  † Temática

Índice Página inicial Próximo Capítulo

Existência humana

 

TEMAS CORRELATOS
(Alma e corpo) (Caminho) (Convivência) (Humanidade) (Morte) (Procriação) (Reencarnação) (Sociedade) (Viagem) (Vida) (Vida espiritual)
(AFORISMOS)
 
  1. A comédia humana — Eugène Sue (Re)
  2. A conta da vida [Idem] (História de Levindo, que logo depois de arrebatado pelas asas do sono, sonhou que era procurado por um mensageiro espiritual, a exibir largo documento nas mãos) — Neio Lúcio
  3. A resposta (ao homem desesperado que alcançou, um dia, a presença do Cristo) (Conto) — Emmanuel
  4. As existências corpóreas do Espírito (Oes)
  5. As existências corpóreas terão um fim? (Oes)
  6. Ante o mundo espiritual (A necessidade do máximo aproveitamento da reencarnação. Estudo da epístola de Paulo 1 Timóteo 6.19: “Que entesourem para si mesmos um bom fundamento para o futuro, para que possam alcançar a vida eterna.”) — Emmanuel
  7. Antes da luta (de uma nova experiência reencarnatória) — Emmanuel
  8. Antes do berço (na Espiritualidade, examinando as suas próprias necessidades de aperfeiçoamento terá você pedido…) — André Luiz
  9. Antes do berço (quase sempre, conhece a alma humana, plenamente desperta, grande parte dos débitos que lhe induzem o coração a remergulhar nas forças do Plano Físico) — Emmanuel
  10. Bom combate (A existência terrestre é o bom combate. Reflexões em torno da passagem de Lucas 15.11, relativamente à parábola do filho pródigo, e da epístola de Paulo 2 Timóteo 4.7, sobre o bom combate) — Emmanuel
  11. Cada desencarnação é regresso de um lutador [Idem] [Idem] — Neio Lúcio
  12. Cada existência (no Plano físico, pode ser um passo adiante, que te projete na vanguarda de luz) — Emmanuel
  13. Cá e lá (Cada criatura na Terra permanece na linha de conhecimento e mérito em que se coloca, e, no Além, cada Espírito se encontra no degrau evolutivo que já conquistou) — Emmanuel
  14. Carne (Versos) — Augusto dos Anjos
  15. Carta a um amigo da Terra — André Luiz
  16. Confia e caminha — Emmanuel
  17. Considerações sobre a pluralidade das existências (Lde)
  18. Corte isso (A existência na Terra é comparável a um filme que você está protagonizando e, muitos episódios e trechos inconvenientes podem ser evitados) — André Luiz
  19. Cura moral dos encarnados (Re)
  20. Definição (do período de tempo, que medeia entre uma entrada pelo berço e uma saída pelo túmulo, na existência humana) — Leopoldo Fróis
  21. Degraus da vida (na lei de elevação) — Emmanuel
  22. De lá para cá (O que vem a ser a oportunidade de uma encarnação para o Espírito) — Emmanuel
  23. Em espírito (Estudo da epístola de Paulo aos Romanos 8.13: “Mas, se pelo espírito mortificardes as obras da carne, vivereis”) — Emmanuel
  24. Em marcha (A romagem no campo físico é a vida espiritual noutro modo de ser) — Geminiano Brazil
  25. Em peregrinação (Estudo da epístola de Paulo aos Hebreus 13.14: “Porque não temos aqui cidade permanente, mas buscamos a futura”) — Emmanuel
  26. Em saudação fraternal (A encarnação da alma é semelhante ao voo do pássaro que se afasta momentaneamente do ninho) — Emmanuel
  27. Em viagem (A existência terrestre é uma viagem educativa) — Emmanuel
  28. Enquanto é hoje (Da oportunidade de regeneração espiritual na vida física. Estudo da epístola de Paulo aos Hebreus 3.15: “Enquanto se diz: Hoje, se ouvirdes a sua voz, não endureçais os vossos corações”) — Emmanuel
  29. Entendamos (o objetivo de nossa vida na Terra) — André Luiz
  30. Escrevamos com luz (a história viva de nossa romagem pela Terra) — José de Castro
  31. Evangelho e vida (A  boa vida e a vida boa) — Scheilla
  32. Existência — Emmanuel
  33. Existência terrestre — Emmanuel
  34. Existimos (O berço confere a existência, mas a vida é obra nossa. Interpretação da passagem de João 10.10: “Vim para que tenhais vida e vida em abundância”) — Emmanuel
  35. Lembrete (aos estagiários da vida corpórea) — Teresa d’Ávila
  36. Lenda simbólica [Idem] (que exprime a condição que muita vez assumimos durante a reencarnação) — Irmão X
  37. Longevidade dos patriarcas — Lamennais
  38. Louvemos a dor (Como conviver com a dor em nossa existência) — Isabel Campos
  39. Luminosa bênção (a bênção luminosa da aceitação) — Emmanuel
  40. Mensagem de irmão — Padre Sebastião Carmelita
  41. Mortos vivos (Além da sombra terrestre, para que estejas vivo entre os mortos, é preciso tenhas sido, entre os mortos do mundo, um coração vivo e atuante na obra de Deus) — Emmanuel
  42. Na gleba do mundo (Interpretação da passagem de Mateus 13.23: “Mas o que foi semeado em boa terra é o que ouve a palavra e a compreende. Este frutifica e produz a cem, a sessenta e a trinta por um”) — Emmanuel
  43. Na Terra [Idem] (Soneto) — Raul de Leoni
  44. Na viagem da Terra (O Plano Físico é comparável a um mar de inquietações e problemas, coalhado de embarcações, conduzindo passageiros diversos) — Meimei
  45. Na viagem da vida (A existência terrestre pode ser comparada a laboriosa viagem. O corpo é a embarcação. O pensamento é a força. A língua é o leme) — Emmanuel
  46. Na viagem do Mundo (Vozes que nos interpelam na existência terrestre) — Dalva de Assis
  47. No campo do mundo (Simbologia da vida humana com aspectos da natureza terrestre) — Emmanuel
  48. No campo físico (Ninguém menospreze a expressão animal da vida humana, a pretexto de preservar-se na santidade. Estudo da epístola de Paulo 1 Coríntios 15.44: “Semeia-se corpo animal, ressuscitará corpo espiritual”) — Emmanuel
  49. No correio da luz (Versos) — Maria Dolores
  50. No curso da vida (Nossa conduta perante a vida) — André Luiz
  51. No Plano Carnal (As limitações naturais a que se submete o Espírito durante a existência carnal) — Emmanuel
  52. No reino das borboletas [Idem] (Parábola sobre a morte e a ressurreição) — Irmão X
  53. Nos Círculos da matéria (Estudo aprofundado sobre a interação do Espírito, quando encarnado, com a Esfera de matéria densa) — Emmanuel
  54. Nos véus da carne [Idem] — Augusto dos Anjos
  55. Nossa vida terrestre [Idem] (Versos) — Cornélio Pires
  56. O Espiritismo em sua vida (Reflita na importância do Espiritismo em sua encarnação) — André Luiz
  57. O esquecimento das existências anteriores (Oes)
  58. O Homem durante a vida terrena (Qe)
  59. O homem no mundo (Ev)
  60. O trabalhador fracassado (O contraste entre a promessa e a realização de uma encarnação proveitosa) — Humberto de Campos
  61. Para vencer (espiritualmente falando, na vida diária) — Emmanuel
  62. Passando pela Terra (onde nos encontramos em estágio educativo) — Emmanuel
  63. Passos da vida (A vida na Terra assemelha-se à longa série de veículos, avançando pelas estradas do tempo) — Emmanuel
  64. Penas e gozos terrestres (Lde)
  65. Peregrinação para o reencontro… (do Amigo Divino) — Nina Arueira
  66. Pluralidade das existências (Lde)
  67. Pluralidade das existências corpóreas (Re)
  68. Promessa da vida (Versos) — Maria Dolores
  69. Proveito existencial — Chico Xavier
  70. Recebendo assistência (Lísias, o enfermeiro visitador, dá alguns exemplos das consequências espirituais que advém de uma existência mal conduzida) — André Luiz
  71. Recordação da existência corpórea (Lde)
  72. Saber viver (Viver por viver todos vivem. O essencial é saber viver) — André Luiz
  73. Se a existência atual fosse única e devesse decidir sozinha sobre o futuro da alma para a eternidade, qual seria o destino das crianças que morrem em tenra idade? Pelo mesmo motivo, qual seria a sorte dos cretinos, idiotas? (Oes)
  74. Sigamos com o Cristo (Cada dia, na Terra, milhares de criaturas demandam o País da Morte e milhares retornam ao Mundo Físico) — Emmanuel
  75. Teu livro (A existência na Terra é um livro que estás escrevendo) — Emmanuel
  76. Valorização da vida (Narração de quatro casos impressionantes observados pela autora espiritual) — Meimei
  77. Vê como vives (Interpretação da passagem de Lucas 19.13: “E chamando dez servos seus, deu-lhes dez minas e disse-lhes: negociai até que eu venha”) — Emmanuel
  78. Viajantes (da existência humana. Todos passaram, uns após outros…) — Emmanuel
  79. Vida e nós (Da transitoriedade da existência na Terra e seus valores educativos) — Emmanuel
  80. Vida estreita (Já pensaste relativamente à propriedade legítima da vida? Pertencer-te-ão, de fato, os patrimônios materiais, as paisagens exteriores, o teu próprio corpo? Interpretação da passagem de Marcos 8.35: “Porque qualquer que quiser salvar a sua vida, perdê-la-á, mas qualquer que perder a sua vida por amor de mim e do Evangelho, esse se salvará”) — Emmanuel
  81. Vida física — Emmanuel
  82. Viver (Existência é a soma de tudo o que fizemos de nós até hoje) — André Luiz
  83. Viver melhor (Todos queremos ser felizes, viver melhor) — André Luiz
  84. Viverás para sempre (Persevera no bem, sabendo que viverás para sempre) — Emmanuel
OUTRAS REFERÊNCIAS AO TEMA
  1. Como entender, na essência, as dívidas ou vantagens que trazemos de existências passadas? (Lda)
  2. Como podemos compreender os resultados de nossas existências anteriores? (Lda)
  3. Espírito completista (O que é ser um completista. Direitos de um completista)
  4. Para as criaturas humanas o que significa a vida terrestre? (Lda)
  5. Podemos avaliar as nossas existências passadas, somente através de lutas e provações? (Lda)
  6. Vide no cap. 15, item 1 do livro “Voltei”: O aproveitamento da existência corpórea para a máxima edificação espiritual.
 
AFORISMOS E CITAÇÕES
  1. A decifração dos enigmas das nossas existências está em nós próprios. Apesar do destino inflexível, há uma força em nós que dele independe como origem de todas as nossas ações e pensamentos. Somos obreiros da trama caprichosa das nossas próprias vidas. — Humberto de Campos (Pi)Tx4
  2. A existência do homem deve valer pela intensidade da sua edificação espiritual. — Humberto de Campos (Nms)Tx11
  3. Em face da grandeza espiritual da vida, a existência humana é uma hora de aprendizado, no caminho infinito do Tempo; essa hora minúscula encerra o que existe no todo. — Humberto de Campos (Bn)Tx15
  4. O mundo de carne é vasta esfera, cheia de berços luminosos, onde a vida é provável, e repleta de sepulturas sombrias, onde a morte é fatal. — Irmão X (Lr)Tx25
  5. Que a vida física é uma escola abençoada, é insofismável; mas, se você não se aproveitar dela a fim de aprender suficientemente as lições que se destinam ao seu engrandecimento espiritual, em nada lhe valerá o ingresso no aprendizado humano. — André Luiz (Ac)Tx34
  6. Nunca notou a rapidez da existência de um homem? A vida carnal é idêntica à flor da erva. Pela manhã emite perfume, à noite, desaparece… — Neio Lúcio (Jnl)Tx41
  7. O Sol comunica-se aos recessos do abismo, através de irradiações de força, a milhões de quilômetros; a nossa existência estende-se igualmente, em todas as direções e profundezas. — Mariano (Ft)Tx46
  8. A existência terrestre é apenas um dia, dentro da eternidade. — Agar (Cc)Tx54
  9. A existência no corpo de carne é um sopro de vida que esmorece, rápido, através de um vaso de argila frágil. — Meimei (Cc)Tx54
  10. Quem sabe viver na Terra || Na bênção do pouco em paz. || Muito serve em cada dia, || Muito ganha e muito faz. — Casimiro Cunha (Gdl)Tx55
  11. Aprende, ensina e esclarece. || Trabalha, ajuda e auxilia. || Não há maior desventura || Que a da existência vazia. — Casimiro Cunha (Gdl)Tx55
  12. A existência na Terra é caminho para a Esfera Superior. Não te lastimes se a subida aborrece e cansa, pela cruz que carregas. — Emmanuel (Sdm)Tx74
  13. A existência terrestre é o bom combate. — Emmanuel (Jdn)Tx77
  14. Vive, pois, de tal modo que todos aqueles que convivem contigo possam, mais tarde, lembrar-te o nome, como quem abençoa a presença da fonte ou agradece a passagem da luz. — Emmanuel (Jdn)Tx77
  15. A existência na Terra é um dia na Grande Escola da Eternidade. — Nina (Rl)Tx79
  16. Berço e túmulo — surpresa —, || Nascer e morrer do dia. || Num — alegria e tristeza; || Noutro — tristeza e alegria. — Silveira Carvalho (Ani)Tx81
  17. O objetivo da sua vida na Terra não constitui a autoridade, a beleza ou o conforto efêmeros. É o aperfeiçoamento espiritual. — André Luiz (Ie)Tx82
  18. Toda criatura terrestre, embora não perceba, vive a despedir-se do mundo, pouco a pouco, despachando, cada dia, com os próprios atos, a bagagem que encontrará na estação de destino. — Meimei (Ie)Tx82
  19. A existência na Terra, para quem possua mediana inteligência, pode ser preparação de voo sublime ou queda espetacular. — Neio Lúcio (Cdb)Tx83
  20. A existência na Terra, sob qualquer aspecto, é uma batalha cuja vitória não permanece no mundo. — Neio Lúcio (Cdb)Tx83
  21. A encarnação na Terra é semelhante à excursão que fazemos comumente num comboio vulgar. Há ocasiões de partida e chegada. — Neio Lúcio (Cdb)Tx83
  22. A oportunidade da existência no corpo é verdadeiro privilégio para a mente que despertou ao sol do Cristo. — Neio Lúcio (Cdb)Tx83
  23. Vida terrena — uma noite || De excursão atribulada!… || Dor — a lanterna bendita || Nas sombras da caminhada. — Toninho Bittencourt (Tom)Tx102
  24. Existência enobrecida, || Aconteça o que aconteça, || Começa no coração || E acaba pela cabeça. — Eugênio Rubião (Ol)Tx106
  25. Todo Espírito encarnado || É um viajor em caminho… || Sonha, sofre, luta e segue, || Morrendo devagarinho… — Jovino Guedes (Ol)Tx106
  26. A vida!… — que enorme enredo || A luta na carne encerra!… || A morte!… — quanto segredo || Em sete palmos de terra!… — Lindolfo Gomes (Ol)Tx106
  27. Desafio na existência || Da mais alta à mais singela: || Achar a felicidade || E contentar-se com ela. — Fócion Caldas (Ol)Tx106
  28. A existência terrestre é muito importante no progresso e no aperfeiçoamento do Espírito; no entanto, ao mesmo tempo, é simples estágio da criatura eterna no educandário da experiência física, à maneira de estudante no internato. — Emmanuel (Ves)Tx114
  29. Mais que riqueza ou pobreza || Vale a existência benquista. || Carro de ferro ou de ouro || Não dispensa o motorista. — Joaquim José Teixeira (Tma)Tx117
  30. Exiges vida perfeita, || Mas não deixes de lembrar: || A pérola que te enfeita || Nasceu no lodo do mar. — Milton da Cruz (Tma)Tx117
  31. Nossa vida lembra um livro || Que a existência em si resume; || A morte quando aparece || É o índice do volume. — Mário Linhares (Rca)Tx138
  32. Agora, depois da morte, || Percebo, de alma sofrida, || Que a vida que a gente leva || É o que se leva da vida. — Chiquito de Moraes (Rca)Tx138
  33. A nossa existência é comparável à escada e todos somos capazes de utilizar os degraus que nos levem acima. — André Luiz (Dv)Tx143
  34. O valor de nossa existência está em função do valor que a nossa vida represente para as vidas que nos rodeiam. — Emmanuel (Ir)Tx199
  35. Vida no corpo terrestre || Parece uma estranha porta: || De um lado, o amor nos abraça || Do outro, a verdade corta. — Lucano Reis (Ruv)Tx201
  36. Na viagem da existência, || É fácil reconhecer: || Quem perde a fé no caminho || Pouco mais tem a perder. — Fidelis Alves (Ruv)Tx201
  37. Nossa vida só se faz || Felicidade no bem || Se a colocarmos em Deus || A benefício de alguém. — José Canuto de Oliveira (Ruv)Tx201
  38. A vida na Terra é um curso || De ensino ligeiro e lento. || O corpo lembra barraca || Numa nave em movimento. — Lopes Filho (Ruv)Tx201
  39. Vida física é uma cela || Que nos esconde no centro, || Mas a morte vem a ela || E nos descobre por dentro. — Múcio Teixeira (Ruv)Tx201
  40. Toda pessoa na Terra, || Nesse ou naquele caminho, || Nasce, cresce, vive e luta || Morrendo devagarinho. — Sylvio Fontoura (Nda)Tx203
  41. Um berço que se levanta || Lembra lavoura perfeita: || A vida cultiva a planta, || A morte expõe a colheita. — José Albano (Nda)Tx203
  42. Não faças da própria vida || Preguiça, folga ou pilhéria. || O dia desocupado || Traz o cartão da miséria. — Casimiro Cunha (Pea)Tx213
  43. Nos caminhos da existência, || Feliz de quem se ilumina. || O talento sem cultura, || É ouro dentro da mina. — Gil Amora (Sdf)Tx215
  44. Estreito é o tempo e, pelas provas de que se constitui, longo é o caminho da existência no mundo físico. — Emmanuel (Sda)Tx217
  45. Do Além, a vida na Terra || Quando amargosa e insegura || Por mais longa nos parece || Ligeira estação de cura. — Chiquito de Moraes (Mv)Tx219
  46. É sempre graças à vida, || Mesmo ao peso de uma cruz, || Que a alma empreende a subida || De uma montanha de luz. — Felix Araújo (Mv)Tx219
  47. Para muitas pessoas indiferentes às responsabilidades da vida, a existência terrestre significa sonoterapia. — Pedro Rosa (Pda)Tx222
  48. A experiência humana é o caminho da ação pelo qual somos compelidos a passar se pretendemos acesso à Vida Superior. — Ismênia de Jesus (Pda)Tx222
  49. A vida, em si, é um livro de aperfeiçoamento que o Espírito está escrevendo… Cada existência é um capítulo. — Luiz Gomes do Amaral (Pda)Tx222
  50. Os dias da existência humana são contas de luz no colar da experiência, quanto mais buriladas as pedras preciosas e simbólicas de nossas provações, mais amplamente retratam a beleza da luz. — Ricardo Tadeu (Mqc)Tx239
  51. A Terra é grande estalagem, || Com ficha, despesa e contas, || Nela estamos de viagem, || Vivendo de malas prontas. — Sylvio Fontoura (Sp)Tx255
  52. Comparo a vida na Terra || A grande e rico armazém; || Cada cliente procura || O artigo que lhe convém. — Antônio Barros (Sp)Tx255
  53. Cada existência é uma peça. || Cada pessoa a mostrar-se || Tem o papel que precisa, || Embora sob disfarce. — Deraldo Neville (Hna)Tx259
  54. A vida na Terra é feia? || Nem tanto. Diz um rifão: || — “Há muita barriga cheia || Fazendo lamentação”. — João Moreira da Silva (Evi)Tx266
  55. Ninguém perde por viver || No trabalho em que se enrole; || A vida na Terra é dura || tão só para quem é mole. — Lulu Parola (Fdp)Tx277
  56. Foi uma existência triste || A de Salvino Licanço: || Viveu de prato e conversa… || Depois morreu de descanso. — Cornélio Pires (Fdp)Tx277
  57. Nascer!… Um drama… Promessa, || Ilusão, verdade, engano… || Depois, só se entende a peça || Quando, por fim, cai o pano. — Raul Pederneiras (Fdp)Tx277
  58. A nossa vida no mundo || Assemelha-se a uma festa || Em que o forte afaga o bolso || E o fraco bate na testa. — Sylvio Fontoura (Fdp)Tx277
  59. Vida vazia e travessa || Que não sofre e que não pensa || Cria na própria cabeça || O gelo da indiferença. — Jovino Guedes (Jv)Tx278
  60. Quando a vida é sem trabalho, || Sem amor, sem paz e sem fé, || Quanto mais vazia for, || Tanto mais pesada é. — Lulu Parola (Rdl)Tx312
  61. Cada existência é um ato do drama evolutivo em que vivemos; cada existência que se segue à outra é um traço de continuidade da peça em que nos integramos para a conquista de nós mesmos. — Aristides (Vav)Tx316
  62. A vida humana é uma estrada || Cheia de espinho e revés, || Ninguém transita por ela || Sem ferir os próprios pés. — Clovis Amorim (Pdf)Tx318
  63. No mundo de hoje, há boa vida e há vida boa. Boa vida é bem-estar. Vida boa é estar bem. — Scheilla (Cd)Tx326
  64. De existência a existência, no mundo, nossa individualidade imperecível sofre o desgaste da imperfeição, assim como o aprendiz, de curso a curso, na escola, perde o fardo da ignorância. — Emmanuel (In)Tx335
  65. A existência na Terra é a Vinha de Jesus, em que nascemos e renascemos. — Emmanuel (Tlh)Tx345
  66. Enquanto o mundo se aferra || A lutas descomunais, || Trabalha. A vida na Terra || É tempo curto demais. — Marcelo Gama (Pdp)Tx346
  67. Sofri em toda a existência, || Lutei, declive a declive, || Mas tempo de provação || Foi o melhor que já tive. — Noel de Carvalho (Pdp)Tx346
  68. Se cada existência no corpo físico é senda para o sepulcro a fim de tudo reajustarmos, cada dia é tempo de dar novas maneiras às nossas resoluções e aos nossos atos, a fim de tudo renovar e tudo redimir para a exaltação do Bem Infinito. — Emmanuel (Avr)Tx349
  69. A vida é um grande combate || Entre a tristeza e a alegria, || Ganha quem serve mais, || O resto é acrobacia. — Cornélio Pires (Fne)Tx361
  70. A existência não é um feriado para indisciplinas, mas um dia de trabalho santo em que o Espírito deve entrar na posse de sua herança eterna, entre as bênçãos de luz e paz da alegria de viver. — Emmanuel (Les)Tx364
  71. Tenhamos serenidade e confiança em Deus na travessia do grande mar, em que simbolizamos a existência na Terra. — Carlos Augusto (Opc)Tx383
  72. Jungido à teia da carne, || Não te esqueças do porvir, || Que amanhã serás chamado || Ao toque de ressurgir. — Casimiro Cunha (Ph)Tx385
  73. Valoriza mais o tempo || Com realizações e afazeres || Que enriqueçam a existência. || Não busque aí só prazeres! — Isabel de S. e Paiva (Ph)Tx385
  74. No imenso palco da Terra, || A vida é constante enredo || Que só termina na morte, || Que é sempre um grande segredo. — Cornélio Pires (Ddv)Tx411
  75. No trânsito e na existência, || Quem vive na contramão || Pode encontrar no caminho || Amargura, depressão. — Cornélio Pires (Ddv)Tx411
  76. A nossa vida no mundo || Parece grande novela; || Sofrendo, chorando e rindo, || Nós estamos dentro dela. — Cornélio Pires (Tv)Tx412
  77.  “A vida na Terra é um drama.” || Falou o amigo Manoel: || “Isto é uma grande verdade, || Cada qual tem seu papel.” — Cornélio Pires (Caf)Tx419