Bible of the WayBíblia do Caminho  † Temática

Índice Página inicial Próximo Capítulo

Calúnia

Blue bar

 

TEMAS CORRELATOS
(Acusação) (Condenação) (Crítica) (Fofoca) (Injúria) (Maledicência)
(AFORISMOS)
 
  1. A tomada elétrica (História de Júlio, que é um amargo escarmento aos levianos do ouvido e aos imprudentes da língua) — Júlio
  2. Ao pé do ouvido (Um caso com Batuíra e o Dr. Cesário Motta, grande médico e higienista) — Hilário Silva
  3. Apontamentos do ancião (relativamente às críticas e calúnias suportadas por Jesus quando esteve entre nós, para ilustrar o quanto devemos aguardar, por nossa vez, se desejarmos seguir seus passos) — Irmão X
  4. Calúnia (De todas as potências do corpo humano, a língua será talvez aquela que mais nos reclama vigilância) — A. Ferreira
  5. Jesus vela (Ouvidos são dois para que haja possibilidade de se libertar, através de um deles, o lodo que nos atirem pelo outro) — Batuíra
  6. Meu algoz é minha própria consciência — Gustavo Dutra
 
AFORISMOS E CITAÇÕES
  1. Os olhos de um caluniador são piores que os braços de um ladrão. — Emmanuel (Ha)Tx10
  2. Antes mil vezes padecer a calúnia e o abandono, que tisnar a consciência com a nódoa do crime. — Alcíone a Damiano (Rna)Tx18
  3. Não lhe fira a calúnia. Viva de modo que ninguém possa acreditar no caluniador. — André Luiz (Ac)Tx34
  4. Com Jesus, a calúnia lhe honrará a tarefa. — André Luiz (Ac)Tx34
  5. Não te perturbe a calúnia: a pedra atirada ao lago tranquilo desce ao fundo de lodo, enquanto as águas voltam a refletir a beleza do firmamento. — Mariano (Ft)Tx46
  6. Quem transmite a calúnia é o companheiro natural daquele que a formula. — Mariano (Ft)Tx46
  7. A calúnia quando escreve || Sofre a treva que a reclama, || Vertendo pelo alfabeto || Fumo e cinza, lodo e lama. — Casimiro Cunha (Gdl)Tx55
  8. Nos trilhos do bem, não chores || Se segues caluniado… || Na Terra, há muito desprezo || Que traz honra ao desprezado. — Casimiro Cunha (Gdl)Tx55
  9. A calúnia é uma serpente invisível na estrada de todos os servidores do bem. — Neio Lúcio (Cdb)Tx83
  10. Vive acima da calúnia || Em que a maldade se exprime. || Aos olhos tristes da inveja || A própria virtude é crime. — Casimiro Cunha (Ol)Tx106
  11. A calúnia ao nos ferir || Um nobre símbolo encerra: || — É uma força a nos servir, || Como a enxada ajuda a terra. — Fidelis Alves (Ruv)Tx201
  12. Calúnias mordem-te o nome?… || Tolera constantemente… || O fruto que mata a fome || É triturado no dente. — Múcio Teixeira (Pea)Tx213
  13. Quando fores procurado || Pela calúnia revel, || Não lhe estendas sobre a estrada || O sulco de lodo e fel. — Casimiro Cunha (Pea)Tx213
  14. Caluniou tanta gente || O amigo Antônio Bicudo || Que hoje desencarnado, || O coitado quer ser mudo. — Cornélio Pires (Pda)Tx222
  15. Se a calúnia te visita || Não lhe emprestes teus ouvidos, || Os que se lembram do bem || Pelo mal são esquecidos. — Jaks Aboab (Sdl)Tx294
  16. A calúnia não piora ninguém, tanto quanto a bajulação não nos aperfeiçoa qualidade alguma. — Irmão X (Hea)Tx339
  17. Não cairemos no fogo da calúnia, desde que vivamos em guarda contra a leviandade e a maledicência. — Emmanuel (Tlh)Tx345
  18. Quando te entregas às sugestões da calúnia, exteriorizas da própria mente forças destrutivas que, de volta, te impelem à comunhão com as inteligências perversas que a veiculam, adquirindo invisíveis passaportes para os abismos da obsessão e do crime, da loucura e da morte. — Emmanuel (Avr)Tx349
  19. Em matéria de calúnia, || Sarcasmo e perseguição, || Acende no esquecimento || A luz da renovação. — Casimiro Cunha (Ph)Tx385