Bíblia do Caminho Súmulas Biográficas

Zeferino Brazil


ZEFERINO de Sousa BRAZIL — Poeta, cronista e jornalista, membro da extinta Academia Riograndense de Letras e patrono da cadeira n° 24 na Academia Sul-Riograndense de Letras, o “Príncipe dos Poetas do Rio Grande do Sul” legou um nome de grande prestígio nos meios intelectuais do País. Referindo-se à poesia de Zeferino Brazil, João Pinto da Silva (Hist. Lit. R.G.S., pág. 86) afirmou: “É um inspirado, um espontâneo, à maneira antiga, sem deixar de ser, ao mesmo tempo, um artista.” Incluindo-o em sua Antologia dos Poetas Brasileiros da Fase Parnasiana, Manuel Bandeira tirou-o do olvido. (Porto Grande, Munic. de Taquari, Est. do Rio Grande do Sul, 24 de Abril de 1870 — Porto Alegre, Est. do R. G. S., 3 de Outubro de 1942.)

BIBLIOGRAFIA: Alegros e Surdinas; Vovó Musa; Na Torre de Marfim; Teias de Luar; etc. ( † )


.

Abrir