Bíblia do Caminho Súmulas Biográficas

Índice Página inicial Próximo Capítulo

Batista Cepelos


BATISTA CEPELOS, Manuel: Bacharel em Direito pela Faculdade de S. Paulo, promotor público, jornalista, poeta, romancista contista e teatrólogo. “Poeta simples e espontâneo” segundo M. R. Martins (Evol. da Lit. Bras., p. 141) foi elogiado por Júlia Lopes de Almeida, sendo tido por Melo Nóbrega como “hábil manejador de ritmos”. Colaborou em grande número de jornais e revistas do Pais. Experimentou acerbas provações desencarnando tragicamente. BIBLIOGRAFIA: A Derrubada, O Cisne Encantado, Os Bandeirantes, Vaidades, etc. (Vila de Cotia, SP, 10 de Dezembro de 1872 — Rio de Janeiro, Gb, 8 de Maio de 1915.) (Tda)


BATISTA CEPELOS — Poeta paulista, desencarnou no Rio de Janeiro em 1915, atribuindo-se a suicídio o encontro do seu corpo entre pedras de uma rocha, na rua Pedro Américo. Esta versão parece confirmar-se agora nestes sonetos. Olavo Bilac, ao prefaciar-lhe Os Bandeirantes, exalta-lhe o estro espontâneo, original e simples. (Pat)


.

Abrir