Bíblia do CaminhoTestamento Xavieriano

Índice Página inicial Próximo Capítulo

Vozes do Grande Além — Autores diversos


58


Almas sofredoras

Na noite de 2 de agosto de 1956, tivemos a alegria de ouvir pela primeira vez em nosso recinto o Espírito Casimiro Cunha, n o notável poeta fluminense, que se manifestou através das suas rimas, repletas de simplicidade e beleza, para encantamento e edificação de nossas almas.


  1 Meus amigos, no serviço

  De prece e doutrinação,

  Cada Espírito que sofre

  É a bênção de uma lição.


  2 Ouvindo os desencarnados

  Em lutas de consciência,

  Permaneceis navegando

  Nas águas da advertência.


  3 Tantos náufragos em treva,

  Sem clarão que os reconforte,

  São apelos da verdade,

  Gritando no mar da morte.


  4 O malfeitor que aparece

  No tormento que o redime,

  Bramindo, desarvorado,

  É mensagem contra o crime.


  5 Paranoicos revoltados,

  Em vozerio e barulho,

  São avisos dolorosos

  Contra os flagelos do orgulho.


  6 Apaixonados que clamam,

  Entre a demência e o furor,

  Revelam a delinquência

  Que se rotula de amor.


  7 Sovinas desesperados,

  Sob o tacão da secura,

  São vivas lições na estrada

  Contra os perigos da usura.


  8 Suicidas em desalento,

  Que a dor pavorosa espia,

  Demonstram à saciedade

  Os monstros da rebeldia.


  9 As mentes em vício e ódio,

  Sob lama deletéria,

  Mostram em toda a extensão

  A ignorância e a miséria.


  10 Tiranos paralisados,

  No suplício da aflição,

  Indicam que há fogo e cinza

  Nos tormentos da ambição.


  11 Espíritos que perseguem

  A carne enferma e insegura

  São tristes apontamentos

  De vampirismo e loucura.


  12 Obsessores que bradam

  Em sofrimentos atrozes

  Ensinam que, além do corpo,

  Há chagas e psicoses.


  13 Meus irmãos, não olvideis,

  No campo do aprendizado,

  Que, acendendo a luz no Além,

  Quem doutrina é doutrinado.


.Casimiro Cunha


[1] CASIMIRO CUNHA — Grande poeta fluminense, nascido na cidade de Vassouras e valoroso companheiro da Causa Espírita.


Citação parcial para estudo, de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais.

.

Abrir