Bible of the WayBíblia do Caminho  † Xavierian TestamentTestamento Xavieriano

Índice Página inicial Próximo Capítulo

Sementeira de luz — Mensagens familiares do Prof. Arthur Joviano (Neio Lúcio) e outros

 

Introdução

 

Trazer a lume esta Sementeira de Luz é para todos nós motivo de imensa alegria.

Wanda Amorim Joviano realiza agora o compromisso da fiel depositária dessas luminosas revelações espirituais que estiveram sob a sua guarda e de sua família desde os idos dos anos 30 na antiga cidade de Pedro Leopoldo, berço natal de Chico Xavier em Minas Gerais. E foi ele mesmo, Chico Xavier, em espírito, depois da sua desencarnação, quem nos solicitou gentilmente entrássemos em contato com a estimada irmã, agora vivendo na cidade do Rio de Janeiro. Um amigo comum, Fernando Hermanny Peixoto Costa, nos cedeu o seu telefone e, desde então, a partir de 2003, restabelecemos uma amizade genuína, nascida nas fontes de um passado distante, porém vivo, em nossos corações.

O elo que nos une e reuniu novamente é o elo do amor e da reverência profundos àquele que foi e continua sendo entre nós o apóstolo da renovação humana — Chico Xavier — missionário do Consolador prometido aos homens pela palavra insuperável de nosso Mestre e Senhor Jesus há quase dois mil anos!

Desse contato de almas irmãs no ideal nasceu este livro, que resgata para a história do Espiritismo preciosas informações da Espiritualidade, patenteadas pela inigualável mediunidade de Chico Xavier.

Semanalmente, às quartas-feiras, a partir de 1935, Francisco Cândido Xavier comparecia ao culto do Evangelho no lar de Dr. Rômulo Joviano e D. Maria Joviano, pais da jovem Wanda. Durante as preces habituais, diversos amigos espirituais se manifestaram pela psicografia de Chico. Emmanuel, Abílio Machado, Augusto de Lima, Casimiro Cunha e outros tantos escreveram pelas mãos de Chico Xavier. Mas é Arthur Joviano, pai de Dr. Rômulo, quem se destaca na assistência amorosa e desvelada pelos que ficaram na retaguarda do mundo terrestre, escrevendo-lhes as belíssimas páginas de consolação e esclarecimento que ora transformamos em livro para deleite de todos.

A comunidade espírita já o conhece como NEIO LÚCIO, autor de alguns livros da psicografia de Chico Xavier. É a mesma personalidade de Cneius Lucius, do romance 50 anos depois, e de Jaques Duchesne Davenport, do romance Renúncia, sobre quem encontramos a referência carinhosa de Emmanuel, psicografada em 14 de dezembro de 1949 pelo Chico, e que constitui o prefácio espiritual desta obra.

À medida que o leitor descortinar as encantadoras mensagens de Neio Lúcio, acompanhará com prazer as notícias da Espiritualidade Maior no próprio desenvolvimento das revelações que surgiram pela psicografia de Chico Xavier. Verificará a história espírita, não sob a ótica dos homens, mas da dos que lhe foram agentes partícipes — os Espíritos. Acompanhará os momentos da recepção de Paulo e Estêvão e a alegria da Vida Maior quando a obra foi concluída. Neio Lúcio nos relata a reunião da Espiritualidade com as veneráveis personalidades dos próprios Paulo de Tarso e José Barnabé, em momentos de profunda emoção.

O leitor se achará surpreso com as revelações dos personagens de dois dos romances de Emmanuel e a estreita ligação entre eles: 50 anos depois e Renúncia, por abrigarem as mesmas personalidades em momentos distintos da história humana. E a irrevogável lei do progresso incessante envolvendo os seres humanos pelas vidas sucessivas na escola da reencarnação. 1

 Também o leitor seguirá as notícias do aparecimento de André Luiz, pseudônimo de Carlos Chagas,2 que fora encarregado por uma comissão de sábios da Espiritualidade Maior para levantar o espesso véu que se interpunha entre os homens e a vida espiritual. E assim acompanhará com alegria o surgimento de suas primeiras obras: Nosso Lar, Os Mensageiros, Missionários da Luz e Obreiros da Vida Eterna.

Os proventos deste Sementeira de Luz foram doados por Wanda Joviano às atividades filantrópicas e educativas do Lar Espírita André Luiz (LEAL), da cidade de Petrópolis, Estado do Rio de Janeiro, fundado em 3 de janeiro de 1960 pela nobre seareira Sra. Suzana Maia Mousinho, sob a orientação de Chico Xavier, a pedido dos Espíritos de André Luiz, José Thomaz de Porciúncula — 1° Governador de Petrópolis — e Franklin Dória — Barão de Loreto, Governador do Maranhão.

O Vinha de Luz, Serviço Editorial da Fraternidade Espírita Cristã Francisco de Assis, de Belo Horizonte, muito se alegra ao responsabilizar-se pela edição desta obra, que ora ofertamos à comunidade espírita com a alma e o coração.

 

Belo Horizonte, 14 de dezembro de 2005.

 

.Geraldo Lemos Neto

Editor     

 


[1] Nota do editor: vide página 31 - Reencarnações.

[2] Nota do editor: O médium Chico Xavier solicitou à Sra. Suzana Maia Mousinho que providenciasse, junto a um artista plástico seu colega no Ministério da Educação, e frequentador da Escola de Belas Artes, um retrato do espírito de André Luiz e que, para tal, se baseasse na estátua do cientista Dr. Carlos Chagas, localizada na praia de Botafogo, na cidade do Rio de Janeiro. Após a feitura do quadro, o médium Chico Xavier escreveu em seu verso que aquele era o Espírito de André Luiz, e o dedicou à Sra. Suzana.

 

Citação parcial para estudo, de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais.

 

.

D
W