Bíblia do Caminho Testamento Xavieriano

Sementeira de luz — Mensagens familiares do Prof. Arthur Joviano (Neio Lúcio) e outros


212


Despedidas do 1945

26|12|1945


1 Meus caros filhos, que Deus abençoe a vocês, concedendo-lhes muita saúde e paz espiritual.

2 Encontramo-nos aqui para nos despedirmos, literalmente falando, do 1945, fértil de boas experiências e úteis realizações. Um ano é sempre a síntese da existência primavera, outono, verão, inverno, estações de florescência, de frutificação, de preparo, de impulso renovador. Que Jesus conceda a vocês longos anos de luta terrestre!

3 Não temam dificuldades, caminhos ásperos, invernias longas. Todo o labor é serviço de abençoada realização para a alma. Toda a solução de problema, por mínima que seja, traz consigo nova luz.

4 Segundo a palavra evangélica da carta de felicitações ao Rômulo, na semana finda, eu não tenho maior alegria que a de ver os meus filhos trilhando os caminhos da verdade. Isso pode parecer visão unilateral do assunto, como menosprezo infinitamente as obrigações que os nossos cumprem no mundo convencional, atendendo a todos os deveres que a vida de relação exige. O trabalho honesto, a aquisição respeitável, o ideal de serviço, o amor à tradição familiar, a ligação afetiva, tudo isso constitui abençoados valores aos meus olhos. Entretanto, há que pensar na construção do futuro, há que ponderar na continuidade, porque todos os empreendimentos humanos não se circunscrevem aos escassos dias terrestres. Por isso, sinto-me satisfeito em repetir aquele versículo de João Evangelista na epístola terceira.

5 Com as orações e trabalhos metódicos do culto que vocês instituíram no lar, devo sentir uma alegria maior. Não é exclusividade, nem egoísmo afetivo. É a verdade para que o horizonte de todos os demais se abra a seu tempo. O serviço da iluminação familiar é também como o cultivo de determinado campo. O pai do agrupamento doméstico enfrentará sol e chuva para que o progresso coletivo se faça sem impedimentos de vulto e aqueles filhos que o ajudam, de mais perto, interessados no mesmo esforço, por certo, receberão maior quota de alegria em comum. Por isso, eu espero que vocês me compreendam semelhante contentamento. Atendamos ao campo que o Senhor nos concedeu. Peçamos a Ele forças e inspirações, e prossigamos para a frente. Os anos terrenos com Jesus são também laços daquele “jugo suave” e “expressões milagrosas” daquele “fardo leve” a que se referem as lições evangélicas. ( † )

6 Com os meus votos de paz e felicidade no 1946, deixo igualmente a vocês o meu grande abraço pela data de amanhã. Que o Mestre divino abençoe, cada vez mais, e mais intensamente, a sagrada união de vocês no instituto da família. Estarei com todos no júbilo do agradecimento e pedirei como sempre à Providência Divina luz e paz, alegria e bom-ânimo para a santa jornada que empreenderam com o 27 de dezembro.

7 É sempre doce recolher as flores das recordações queridas que surgem. As almas não lapidadas ignoram a beleza das reminiscências carinhosas e doces. Aderem ainda em demasia à crosta do mundo como os diamantes que dormem no leito de cascalho bruto, mas os que já refletem a claridade divina, no ideal, na esperança, no amor de servir, conhecem as alegrias puras que vocês aprenderam a celebrar na intimidade edificante do santuário doméstico. Que o Mestre nos abençoe a todos!

8 Maria, o seu resfriado tomou expressão bem forte. O receitista amigo aconselha a você o uso do Eupatorium, China Of., Beladona e Ipecacuanha, durante 3 dias. Rômulo, felizmente, vai bem melhorado e mais forte, graças a Deus! Esperamos que o ano novo encontre cada um de vocês em boa posição de saúde orgânica e espiritual. O novo remédio do Roberto lhe fará grande bem. As suas perdas de fosfato não foram pequenas e, de algum modo, afetou as reservas. Esse o fenômeno da expulsão de elementos vitais que lhe fazem falta ao organismo, de modo geral. Felizmente, vai se refazendo como se fazia necessário e auxiliá-lo-emos com os nossos recursos, dentro de todas as possibilidades ao nosso alcance. Somos muito felizes, meus filhos, e rendamos graças ao supremo Senhor pelo carinho com que temos sido agraciados pelas forças dos céus. Nosso cântico de louvor será sempre inexpressivo, atentos à quantidade das bênçãos e dádivas que descem até nós. Sejamos; pois, venturosos em nossa fé, erguendo a Deus, nosso Pai, o voto constante de nossa gratidão nas notas de alegria com que devemos respirar a atmosfera dos trabalhos de cada dia.

9 Wanda, você, graças a Deus, vai indo bem mais forte, mas pode continuar na medicação amiga.

10 Não estranhem tantas recomendações e recados referentes à saúde. A harmonia do vaso orgânico representa muito para o divino Oleiro. Necessitamos atender com a perfeição possível a esse setor das necessidades que nos são comuns, mesmo porque, embora diferente, possuímos também aqui o nosso “vaso de manifestação”.

11 Boa noite, meus filhos! Que o 1946 seja para todos vocês novo emissário do céu, trazendo-vos as trezentas e sessenta e cinco mensagens de trabalho, alegria, paz e amor nos 365 dias de que se constitui. E que o Pai nos congregue sempre os corações na festividade permanente do culto evangélico, com a luz da verdade e o pão do amor, são os votos do papai muito amigo de sempre,


A. Joviano


Citação parcial para estudo, de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais.

.

Abrir