Bible of the WayBíblia do Caminho  † Xavierian TestamentTestamento Xavieriano

Índice Página inicial Próximo Capítulo

Saudação do Natal — Autores diversos ©

 

1

 

Na glória do bem

(No esplendor do bem)  n 

Abre o teu coração à glória do bem, para que a glória do bem te clareie o caminho.

Qualquer criatura afeita à dominação pode, no mundo, enriquecer-se de ouro, mas somente aqueles que se entregam à inspiração da bondade conseguem enriquecer o ouro terrestre de alegria e de luz.

Todavia, para que possamos realizar semelhante operação, na química do Espírito, é imperioso que a fraternidade infatigável nos aconselhe, orientando-nos a jornada.

Por isso mesmo, na exaltação da solidariedade legítima, é preciso que nossa alma incorpore a si mesma, a humildade e o amor, para que os nossos gestos consigam frutescer em talentos de verdadeira felicidade.

A moeda, guardada no arquivo da usura, cria a aflição e a intranquilidade nas mãos que a sepultam no cofre do exclusivismo, mas aquela que se transforma na gota de leite para a criança faminta ou no remédio necessário ao doente, é bênção de paz a multiplicar a esperança e a alegria no Tesouro Celeste.

Dá-te, assim, ao trabalho constante em que teu suor se converta na fortuna indispensável a quantos te partilham a marcha, na certeza de que a vida vitoriosa é aquela que oferece curso livre aos valores da experiência [e do amor ao próximo], a fim de que a saúde e a higiene, a educação e o conforto, [o humanitarismo e a compreensão se façam] sejam patrimônio comum a todos os que nos cercam.

Lembra-te de que a lama cultivada produz pão que alimenta, e não olvides que o espinheiro, em pleno deserto, com a simples visita do orvalho se veste com a flor que perfuma.

Portanto, onde estiverdes, ampara e auxilia sempre, recordando Jesus que, sem uma pedra onde repousar a cabeça, deu-nos a todos o próprio coração em forma de renúncia, no serviço incessante, enriquecendo-nos para sempre diante da Vida Eterna.

 

.Emmanuel

 


[1] O título entre parênteses é o mesmo da mensagem original e seu conteúdo, diferindo nas palavras marcadas e [entre colchetes], foi publicado em 1986 pela editora GEEM e é a 10.ª do livro “Reconforto”.

 

Citação parcial para estudo, de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais.