Bible of the WayBíblia do Caminho  † Xavierian TestamentTestamento Xavieriano

Índice Página inicial Próximo Capítulo

Rumos da vida — Autores diversos ©

 

14

 

Letreiros da estrada

  1 Não sei de ninguém na Terra

  Sem qualquer prisão de lado;

  O carcereiro está preso

  Vigiando o encarcerado.

.Cornélio Pires

 


 

  2 Muita calma. Não prossigas

  De atenção desorientada.

  Toda pedra de tropeço

  É aviso na caminhada.

.Lucano Reis

 


 

  3 Uma sentença invulgar

  No Livro da Natureza:

  Quem procura trabalhar

  Nunca estará na pobreza.

.Casimiro Cunha

 


 

  4 Porque Deus em nossa vida

  É sempre o melhor dos pais,

  Escolhes o que desejas

  E tens aquilo que atrais.

.Múcio Teixeira

 


 

  5 Do texto de antiga nota

  Destaco este parecer:

  Ninguém conhece a derrota

  Da decisão de vencer.

.Lourenço Prado

 


 

  6 Perante a hora mais triste,

  Trabalha, persiste e vence-a;

  O fracasso não existe,

  Só existe experiência.

.Marcelo Gama

 


 

  7 A Terra, aos sóis do Universo,

  Não tem privilégio algum,

  Dos milhões de seres vivos

  O homem é apenas um.

.Gil Amora

 


 

  8 Pompa, fortuna, aparato?

  Fica firme em teu dever.

  O que há de falso ou de exato

  O tempo é que vai dizer.

.Carlos Jardim

 


 

  9 Há profunda diferença,

  — Aviso aos nossos irmãos,

  Entre seguir a Jesus

  E acompanhar os cristãos.

.Silveira Carvalho

 


 

  10 Solidão? Segue adiante,

  Sem descer da Luz Divina;

  O mundo verde aparece

  Onde o deserto termina.

.Ormando Candelária

 

Citação parcial para estudo, de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais.