Bíblia do CaminhoTestamento Xavieriano

Índice Página inicial Próximo Capítulo

Chico Xavier: O Primeiro Livro — Autores diversos

Parte II — Chico Xavier: Versos por ele mesmo

14


Amor a Jesus

1 Eu não trago a minh’alma amargurada,

Porque te amo ó Jesus, com amor tão puro,

Que o meu ser desprezível e obscuro,

Já não sente os espinhos pela estrada.


2 E abençoo este mundo ingrato e duro,

Porque nele a minh’alma lacerada,

Entrevê toda em luz, uma alvorada

Deslumbrante e sub lime no futuro.


3 A minh’alma Te elevo no momento,

De amargura tristeza e sofrimento,

Esquecendo da Terra os pesadelos…


4 Sinto logo mil flores luminosas,

Que transformam-me as sendas espinhosas

Em caminhos translúcidos e belos!


.Francisco Xavier


Citação parcial para estudo, de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais.

.

Abrir