Bíblia do CaminhoTestamento Xavieriano

Índice Página inicial Final

O Evangelho por Emmanuel — Volume I

Comentários ao Evangelho segundo Mateus

401


Não te canses

1 Se houve alguém com suficientes obstáculos, no apostolado do Evangelho, para render-se irremediavelmente ao desânimo, esse alguém foi o próprio Jesus.

2 Descendo da Esfera superior, a benefício do mundo, não recebe no mundo senão uma estrebaria para acolher-se.

3 Criança de vida humilde e pobre, é obrigado a fugir para resguardar-se.

4 Portador da maior mensagem do Céu à Terra, não encontra cientistas e filósofos que o ouçam.

5 Iniciando o seu ministério, surpreende a desconfiança a seguir-lhe a rota, inclusive da parte do próprio João Batista que, das algemas do cárcere, manda saber se em verdade era Ele, o esperado Filho de Deus.

6 Distribuindo reconforto e consolação, não dispôs de uma pedra onde repousasse a cabeça.

7 Desdobrando o roteiro do bem, foi categorizado à conta de malfeitor.

8 Sem culpa, padeceu o insulto e a prisão.

9 Entre os discípulos que amara não conseguiu contar com demonstrações de imediato entendimento ou de pronta fidelidade. Alguns deles dormiram no Horto, quando as lágrimas lhe calcinavam o espírito.

10 Judas, fascinado pela dominação política, não vacilou em acusá-lo injustamente.

11 Pedro, enfraquecido, negou-o três vezes.

12 Todos os beneficiários de suas mãos, totalizando cegos que voltaram à luz e leprosos que reconquistaram a limpeza, loucos que tornaram ao equilíbrio e paralíticos que recuperaram os movimentos, desapareceram na hora em que seus olhos doridos reclamavam amor.

13 Com exceção do carinho e da lealdade de algumas piedosas mulheres no grande testemunho, em torno do Senhor, não identificamos senão desprezo e indiferença, amargura e solidão.

14 Entretanto, depois da crucificação e da morte, vemo-lo de retorno aos amigos e seguidores com o mesmo sorriso de compreensão e bondade, confiando neles, convertendo-lhes a fragilidade em fortaleza e o pessimismo em renovada esperança, exclamando otimista: — “Ide e exemplificai!” (Mt)

15 Quando padeceres aflição e cansaço, lembra-te dele… Não admitas que o desalento te imobilize os braços e enregele o coração.

16 Recorda que hoje como ontem e amanhã como sempre, Jesus permanecerá conosco, orientando-nos o passo para a divina alegria e para a suprema vitória.


.Emmanuel



(Reformador, março de 1958, p. 68)


Citação parcial para estudo, de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais.

.

Abrir