Bíblia do CaminhoTestamento Xavieriano

Índice Página inicial Próximo Capítulo

Missão cumprida… — Autores diversos


8


Louvor à Mulher

1 A propósito da presente semana, consagrada à Mulher, lembremos o encontro das mulheres com o Senhor, no intuito de reconfortá-lo sob a cruz, Dele ouviram as palavras inesquecíveis:

2 “ — Filhas de Jerusalém, não choreis por mim, mas sim chorai por vós mesmas e por vossos filhos, porque tempo virá de grandes dores.” (Lc)

3 As mulheres porém, não esperaram esses tempos e sim lançaram mãos à obra. E choraram e sofreram nestes dois mil anos, embora atados sempre a duros preconceitos.

4 Atiraram-se ao trabalho de renovação e de progresso e venceram dificuldades de todos os feitios.

5 Romperam-se com os grilhões que as aprisionaram e avançaram no tempo, emparelhando-se com os homens nos mais elevados postos.

6 Suportam calamidades e provações inumeráveis em guerras e dissensões que poderiam induzi-las ao desespero.

7 Longe disso, construíram a civilização e preservaram a família, levantando poderes de benemerência e de cultura que são hoje troféus de progresso e benção.

8 Toleraram os sacrifícios maiores, estranhos nas invasões e nos mal entendidos dos homens.

9 Aguentaram agressões incontáveis e ergueram fortalezas de cultura e beneficência.

10 Fundaram escolas e organizações que engrandeceram e no curso destes vinte séculos, conquanto suportando surpresas dolorosas, chegam hoje à culminância sempre movimentadas por obrigações e cativeis, são agora professoras, advogadas, médicas, jornalistas, juízas, escritoras, ao lado dos serviços eminentes que prestam a todas as criaturas.

11 Da subjugação que sofreram, através das eras, basta lembrar que até agora em nenhuma nação, a Mãe tem férias.

12 É nosso dever portanto, reverenciar-lhes a presença, conferindo-lhes o nosso amor, respeito e carinho, amparo em sua ascendência crescente, junto dos homens que elas enaltecem com a sua cooperação e privilegiado entendimento.

13 Enfim, honremos a Mulher, nossa mentora e irmã, recordando sempre quanto devemos à nossa Mãe, cuja memória nos conduz para engrandecimento a Cristandade, agindo com JESUS e por JESUS.


.Maria Dolores



(Página recebida pelo Médium Francisco Cândido Xavier, em reunião pública, em 13/03/1999, no Grupo Espírita da Prece - Uberaba/MG)


Citação parcial para estudo, de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais.

.

Abrir