O Caminho Escritura do Espiritismo Cristão
Doutrina espírita - 2ª parte.

Índice | Página inicial | Continuar

Humorismo no Além — Autores diversos


8

Humorismo e afeição

1 Olhar trocado é conselho
No amor, em marcha robusta;
O beijo é o sinal vermelho
Rogando parada justa.

João Moreira da Silva


2 No amor, há muito caminho…
Eis aqui a prova aberta:
Duas tias e um sobrinho
Somam três brigas na certa.

Luiz Dantas


3 Namoro — brasas em jogo,
Pede lances naturais,
Nem muito perto do fogo,
Nem muito longe demais.

Carlos Gondim


4 Carinho, paixão, ardor?
Ouve esta, meu amigo:
Quando a questão é de amor
Qualquer esmola é um perigo.

Sylvio Fontoura


5 Coração compromissado
No amor, em anseio e drama,
Que se lembre do ditado:
“De longe também se ama.”

Luís Pistarini


6 Tratado de qualquer jeito,
O amor não serve, a contento,
E se há débito mal feito,
É cuidar do casamento.

Pedro Silva


7 Pessoa quando namora
Nunca sente a alma tranquila;
Não descansa — pensa e chora,
Não dorme — apenas cochila.

Manoel Serrador


8 Quem ame, conserve jeito
Na afeição de que se invoca;
Já vi muito amor desfeito
Nas jogadas da fofoca.

Jair Presente


9 Casamento feito às pressas,
Com namoro sem amarra,
Que a pessoa fique atenta
E aguente o peso da barra.

Augusto Cezar


10 O homem desencarnado
Se procura o seu amor,
Logo, logo, é batizado
Com o nome de obsessor.

Lívio Barreto


11 No amor, existe uma fase
De anseio, alegria e choro;
Não é amor, mas é quase…
Tem o nome de namoro.

Agenor Silveira


12 Viúvo sofre até quando?
No enterro da esposa, Altina,
João chorava, mas olhando
Para os lados de Ambrosina.

Cornélio Pires


13 Todo amor que se processa
Vem da esperança sem fim…
Namoro é apenas promessa;
Todo amor começa assim…

Aderaldo Ferreira de Araújo


Texto extraído da 1ª edição desse livro.

Abrir