Bíblia do Caminho Testamento Xavieriano

Gotas de luz — Casimiro Cunha


24


Ilações

  1 Inicia o teu trabalho,

  Rendendo-lhe santo apreço.

  Não há fim vitorioso

  Onde não há bom começo.


  2 Quem te leva à tempestade

  Inclina-te ao desabrigo.

  Quem te afasta do perdão

  Não pode ser teu amigo.


  3 O pobre rixoso e mau,

  Soberbo, rude e violento,

  É muito pior que o rico

  Que se fez duro e avarento.


  4 Quem constrói, quem cose e lava,

  Quem ara, quem planta e fia

  Estende os clarões do Céu

  No campo de cada dia.


  5 Eleva-te, pouco a pouco,

  Para o cimo da montanha.

  Muita vez, quem mais abarca

  É aquele que menos ganha.


  6 Conta bastante contigo.

  Certas graças e favores

  Começam com riso e festa

  E acabam em grandes dores.


  7 Não teimes ante a bondade.

  Serve, ampara e renuncia…

  A cabeça muito dura

  Quase sempre está vazia.


  8 Não te aflijas. Sobre a Terra

  Onde tudo surge e passa,

  Não há gozo sem limite,

  Nem há sombra sem fumaça.


  9 Nos pareceres dos outros

  Nem sempre há muita valia.

  Há sarcasmo que te exalta

  E há louvor que te injuria.


.Casimiro Cunha


Citação parcial para estudo, de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais.

.

Abrir