Bíblia do Caminho Testamento Xavieriano

Emmanuel. — O próprio. ©

Dissertações mediúnicas
(Texto extraído da 1ª edição desse livro — 1937.)

Índice

Índice

(Capítulos)

Explicando…

A tarefa dos Guias espirituais.


DOUTRINANDO A FÉ n

1. Às almas enfraquecidas:

O que é o moderno espiritualismo. — Necessidade do esforço próprio. — A prece. — Aos enfraquecidos na luta.

2. A ascendência do Evangelho:

As tradições religiosas. — Os missionários do Cristo. — A lei mosaica. — Jesus. — O Evangelho e o futuro.

3. Roma e a humanidade:

Roma em seus primórdios. — O Cristianismo em suas origens. — Os bispos de Roma. — Inovações e dogmas romanos. — As pretensões romanas.

4. A base religiosa:

O tóxico do intelectualismo. — Experiência que fracassaria. — A falibilidade humana. — O sublime legado. — Religião e religiões. — Sabedoria integral e ordem inviolável.

5. A necessidade da experiência:

O momento das grandes lutas. — Os Planos do Universo são infinitos. — O progresso isolado dos seres. — O futuro é a perfeição. — O que significam as reencarnações.

6. Pela revivescência do Cristianismo:

Época de desolação. — A norma de ação educativa. — A falha da igreja. — O propósito dos Espíritos.

7. O labor das almas:

Dificuldades da comunicação. — O trabalho dos Espíritos. — Necessidade do sacrifício. — Desenvolvimento da intuição.

8. A confissão auricular:

A confissão nos tempos apostólicos. — A confissão auricular e a sua grande vítima. — Reforma necessária. — Confessai-vos uns aos outros.

9. A igreja de Roma na América do Sul:

A grande usurpadora. — O catolicismo na Europa moderna. — A igreja católica provocando a pobreza do mundo. — Amargos contrastes. — O mundo tem sede do Cristo.

10. As pretensões católicas:

O culto religioso e o Estado. — Sempre com César.

11. Mensagem aos médiuns:

Vigiar para vencer. — Quem são os médiuns na sua generalidade. — As oportunidades do sofrimento. — Necessidade da exemplificação. — O problema das mistificações. — Apelo aos médiuns.

12. A paz do último dia:

Os que se dedicam às coisas espirituais. — As almas torturadas. — A outra vida. — Espíritos felizes. — Aos meus irmãos.


DOUTRINANDO A CIÊNCIA

13. As investigações da ciência:

O resultado das investigações. — O fracasso de muitas iniciativas. — O utilitarismo. — Os tempos do porvir.

14. A subconsciência nos fenômenos psíquicos:

A subconsciência. — O olvido temporário. — As recordações.

15. A ideia da imortalidade:

A ideia de Deus. — A consciência. — O antropomorfismo. — O culto dos mortos. — A evolução dos sistemas religiosos.

16. As vidas sucessivas e os mundos habitados:

Espontaneidade impossível. — Mundo de exílio e escola regeneradora. — O estímulo do conhecimento.

17. Sobre os animais:

A sombra dos princípios. — Os animais: nossos parentes próximos. — A alma dos animais. — Todos somos irmãos.

18. A Europa moderna em face do Evangelho:

Dores inevitáveis. — Ausência de unidade espiritual. — A paz armada. — Sociedades edificadas na pilhagem.

19. A civilização ocidental:

Possibilidades do Oriente. — O fantasma da guerra. — Ânsia de domínio e de destruição. — O futuro das grandezas materiais.

20. A decadência intelectual dos tempos modernos:

Profunda pobreza intelectual. — Ditaduras e problemas econômicos. — Necessidade da cooperação fraterna.

21. Civilização em crise:

Fase de experimentações. — Na dependência da guerra. — Sentença de destruição. — O futuro pertencerá ao Evangelho.

22. Fluidos materiais e fluidos espirituais

23. A saúde humana:

A renovação dos métodos de cura. — Os problemas clínicos inquietantes. — Medicina espiritual. — O mundo marcha para a síntese.

24. O corpo espiritual:

A vida corporal — expressão da morte. — Inacessível aos processos da indagação científica. — Respondendo às objeções. — Através dos escaninhos do universo orgânico. — O santuário da memória. — O prodigioso alquimista. — Alma e corpo. — A evolução infinita.


DOUTRINANDO A FÉ E A CIÊNCIA

25. Os poderes do Espírito:

Os mendigos da sabedoria. — A ineficiência sensorial. — A inútil tentativa. — Tudo é vibração espiritual. — A matéria.

26. Os tempos do Consolador:

A concepção da Divindade. — A Fé ante a Ciência. — Os esclarecimentos do Espiritismo. — Nós viveremos eternamente.

27. Os dogmas e os preconceitos:

Ações perturbadoras. — Características da sociedade moderna. — A Ciência e a Religião. — O trabalho dos intelectuais.

28. As comunicações espíritas:

O mediunismo. — A comunhão dos dois mundos. — Os Espíritos benignos. — O que representam as comunicações. — Os Planos da evolução.

29. Do “modus operandi” dos Espíritos:

O processo das comunicações. — Os aparelhos mediúnicos. — A ideoplasticidade do pensamento.

30. Evangelização dos desencarnados:

A situação dos recém-libertos da carne. — As exortações evangélicas. — A lição das almas. — Ensinar e praticar.

31. Os Espíritos da Terra:

Espíritos da Terra. — Como se opera o progresso geral. — Os períodos de renovação. — Missão do Espiritismo.

32. Dos destinos:

A vida verdadeira. — A escolha das provações. — O esquecimento do passado. — O homem e seu destino. — A vida é sempre amor.

33. Quatro questões de Filosofia:

Determinismo e livre arbítrio. — O tempo e o espaço. — Espírito e matéria. — O princípio de unidade.

34. Vozes no deserto.

35. Educação evangélica:

O resultado dos erros religiosos. — Fim de um ciclo evolutivo. — Urge reformar. — Necessidade da educação pura e simples. — Formação da mentalidade cristã.

36. Aos trabalhadores da verdade:

A fenomenologia espírita. — A psicologia e a “mens sana”. — O progresso anímico. — A trajetória das almas. — As realidades do futuro.



[1] Nesta 1ª edição, as expressões que identificam as partes do livro: “DOUTRINANDO A FÉ”, (Capítulos 1 a 12), “DOUTRINANDO A CIÊNCIA”, (Capítulos 13 a 24) e “DOUTRINANDO A FÉ E A CIÊNCIA”, (Capítulos 25 a 36), não aparecem no índice, mas estão presentes no corpo do livro; e a enumeração dos capítulos em algarismos romanos no livro impresso, foi substituída por algarismos arábicos, para maior fluência na leitura digital em voz alta.


Há um exemplar da 1ª edição desse livro no site: Obras Originais de Chico Xavier.


.

Abrir