O Caminho Escritura do Espiritismo Cristão
Doutrina espírita - 2ª parte.

Índice | Página inicial | Continuar

Correio fraterno — Autores diversos


36

Trio de amor

1 Queres saber acertar

Quando a luta se avizinha…

Atende ao trio de amor:

Perdoa, serve e caminha.


2 Há provação no teu campo,
Recordando erva daninha…
Replanta o chão que te coube,
Perdoa, serve e caminha.


3 Ris-te à força, disfarçando

A dor que te desalinha…

Escora-te à paciência,

Perdoa, serve e caminha.


4 A injúria fere-te o nome,
Envolta em sombra mesquinha…
Não chores, nem te defendas,
Perdoa, serve e caminha.


5 Padeces inquietações

De alma cansada e sozinha…

Trabalha com mais ardor,

Perdoa, serve e caminha.


6 Ouviste maledicência,
Denúncia, intriga, picuinha…
Detém-te no bem que possas,
Perdoa, serve e caminha.


7 Ninguém te entende no pranto

Da angústia que te definha…

Mas lembra que Deus te vê,

Perdoa, serve e caminha…


8 Viste quedas, deserções,
Amigos perdendo a linha…
Não lamentes, nem censures,
Perdoa, serve e caminha…


9 Suspiras pelo refúgio,

Onde a paz surge e se aninha…

Simplifica a própria estrada,

Perdoa, serve e caminha.


10 Se indagares do Senhor
Como honrar-lhe a Glória e a Vinha,
Jesus te responderá:
Perdoa, serve e caminha.


Casimiro Cunha


Texto extraído da 1ª edição desse livro.

Abrir