Bíblia do Caminho Testamento Xavieriano

Atenção — Emmanuel


12

Instante de luz

(Hora de Luz) n

1 Para vencer no campo das tribulações, não admitas que a luz da fé se te formará no coração sem o combustível da experiência.

2 Muitas vezes, será ela em ti qual a chama que se alimenta em óleo de lágrimas.

3 Por isso mesmo, em várias ocasiões, é possível que os obstáculos do caminho te sugiram deserção das tarefas por executar e dos ideais por atingir.

4 Em todos os óbices da marcha, não menosprezes a oportunidade de seguir adiante, ao encontro da própria sublimação para a Vida Superior.

5 Talvez hajas falido em compromissos que abraçaste e quase que te esmagas sob as dificuldades que se te antepõem ao imediato reajuste…

6 Perdeste afeições que julgavas invulneráveis e às quais empenhavas a própria existência…

7 Varaste desenganos…

8 Carregas prejuízos indébitos que te obrigam a longo tempo de trabalho em favor do resgate justo…

9 Alegrias de ontem converteram-se hoje em aflições difíceis de suportar…

10 E, possivelmente, viste a presença da morte, arrebatando-te entes queridos, cuja ausência te deixou a sensibilidade perdida sob a neblina do sofrimento…

11 Estejas como estiveres, não te percas na expectação inoperante e prossegue adiante, agindo e servindo, a bem dos outros, o que resultará sempre em benefício de ti próprio.

12 Embora de pés sangrando e mãos desfalecentes, continua adiante, trabalhando e construindo no erguimento da felicidade do próximo, porquanto a hora de crise é a hora de luz e o momento de revisão das nossas próprias fraquezas; 13 além disso, a época de provação, para cada um de nós, é o ensejo de ampliar a nossa fé, 14 já que nos lances obscuros do cotidiano, quando todos ou quase todos os recursos de sobrevivência nos pareçam falhos nas trilhas do tempo, se guardarmos atenção e paciência, acabamos por reconhecer que estamos todos sustentados pelo Amor Infinito, nos braços invisíveis de Deus.


.Emmanuel



[1] O manuscrito dessa mensagem, cujo título é “Hora de Luz”, encontra-se sob a custódia do Dr. Eurípedes Higino, filho adotivo do Chico.

Citação parcial para estudo, de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais.

.

Abrir