Bíblia do Caminho Testamento Xavieriano

Através do Tempo — Autores diversos


14

Não basta… é necessário…

1 Meus amigos, em favor da vitória do amor, que pretendemos atingir em nossos círculos doutrinários, não basta:

   2 que a palavra se exteriorize, brilhante, da boca, impressionando agradavelmente os ouvidos;

   3 que a consolação seja vertida pelo carinho fraternal dos outros sobre as úlceras da nossa alma;

   4 que a emoção nos arrebate, momentaneamente, da superfície escura do planeta, às regiões douradas da beleza e do sonho;

   5 que a admiração nos arranque interjeições gratulatórias, à frente do heroísmo alheio;

   6 que a lâmpada dos amigos cheios de abnegação e coragem, nos empreste luz aos olhos cegos, por alguns momentos ou por alguns anos;

   7 que o pão da caridade se multiplique para os nossos ideais de beneficência ou para nossos estômagos famintos;

   8 que a água jorre, magnânima, de mananciais transitórios da Terra, atendendo aos nossos caprichos ou à nossa sede;

   9 que o socorro do devotamento celestial se irradie na direção de nossas necessidades, salvando-nos, provisoriamente, de quedas fatais;

   10 que fenômenos e maravilhas se improvisem aos nossos olhos assombrados, compelindo-nos a inteligência a novas atitudes e a novas atividades mentais…


11 É necessário que acima de todas as bênçãos, suscetíveis de serem recolhidas por nossas reclamações individualistas, se erga nosso coração para Jesus-Cristo, a cuja dedicação multimilenária devemos consagrar a própria vida, na renovação interior de nossa personalidade e na reestruturação do nosso destino, pela fraternidade, pelo trabalho incessante e pelo sacrifício de nós mesmos, em favor do mundo feliz e regenerado de amanhã.


Emmanuel



(Psicografada em 23/10/1949 na União Espírita Mineira, na cidade de Belo Horizonte, M. G.)


Citação parcial para estudo, de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais.

.

Abrir