Bíblia do Caminho  † Testamento Kardequiano

Índice Página inicial Final

Obras póstumas ©

(Édition Française)

É preciso propagar a Moral e a Verdade. — MUMS


Índice

(Capítulos)

Biografia de Allan Kardec por A. Desliens.

Discurso pronunciado junto ao túmulo de Allan Kardec por C. Flammarion.


PRIMEIRA PARTE


1 Profissão de fé espírita raciocinada | DEUS | Há um Deus, inteligência suprema, causa primária de todas as coisas (1) | Deus é eterno, imutável, imaterial, único, onipotente, soberanamente justo e bom (2) | Deus é infinito em todas as suas perfeições (3) | A ALMA | Há no homem um princípio inteligente a que se chama ALMA ou ESPÍRITO, independente da matéria, e que lhe dá o senso moral e a faculdade de pensar (4) | As doutrinas materialistas são incompatíveis com a moral e subversivas da ordem social (5) | O Espiritismo prova a existência da alma (6) | A alma do homem sobrevive ao corpo e conserva a sua individualidade após a morte deste (7) | A alma do homem é ditosa ou desgraçada depois da morte, conforme haja feito o bem ou o mal durante a vida (8) | Deus, alma, sobrevivência e individualidade da alma após a morte do corpo, penas e recompensas futuras constituem os princípios fundamentais de todas as religiões (9) | CRIAÇÃO | Deus é o Criador de todas as coisas (10) | O princípio das coisas reside nos arcanos de Deus (11) | O homem tem por guia, na pesquisa do desconhecido, os atributos de Deus (12) | Os mundos materiais tiveram começo e terão fim (13) | Criação dos Espíritos (14) | Do modo de criação dos Espíritos (15) | O surgimento do livre arbítrio nos Espíritos (16) | O objetivo final de todos os Espíritos (17) | Os Espíritos são os agentes da potência divina (18, 19) | A vida espiritual é a vida normal do Espírito (20) | A encarnação dos Espíritos (21) | O aperfeiçoamento dos Espíritos (22-26) | Das existências corpóreas, ou reencarnações, do Espírito (27-29)

2 Manifestações dos Espíritos | Caráter e consequências religiosas das manifestações dos Espíritos (1-8) | O perispírito como princípio das manifestações (9-15) | Manifestações visuais (16-21) | Transfiguração. Invisibilidade (22, 23) | Emancipação da alma (24-31) | Aparição de pessoas vivas. Bicorporeidade (32) | Dos médins (33-55) | Definição espírita de médium (33-38) | Médiuns facultativos (39) | Espécies de médiuns (40) | Médiuns de efeitos físicos (41) | Médiuns sensitivos ou impressivos (42) | Médiuns audientes (43) | Médiuns falantes (44) | Médiuns videntes (45) | Médiuns sonambúlicos (46) | Médiuns inspirados (47) | Médiuns de pressentimentos (48) | Médiuns proféticos (49) | Médiuns escreventes ou psicógrafos (50, 51) | Médiuns curadores (52-55) | Da obsessão e da possessão (56-61)

3 Dos homens duplos e das aparições de pessoas vivas

4 Controvérsia sobre a ideia da existência de seres intermediários entre o homem e Deus

5 Causa e natureza da clarividência sonambúlica

6 A segunda vista

7 Introdução ao estudo da fotografia do pensamento

8 Fotografia e telegrafia do pensamento

9 Estudo sobre a natureza do Cristo | I Fontes das provas sobre a natureza do Cristo | II Os milagres provam a divindade do Cristo? | III As palavras de Jesus provam a sua divindade? | IV Palavras de Jesus depois de sua morte | V Dupla natureza de Jesus | VI Opinião dos Apóstolos | VII Predição dos profetas, com relação a Jesus | VIII O Verbo se fez carne | IX O Filho de Deus e o Filho do homem.

10 Influência perniciosa das ideias materialistas

11 Teoria da beleza

12 A música celeste

13 Música espírita

14 O caminho da vida

15 As cinco alternativas da Humanidade | I Doutrina Materialista | II Doutrina Panteísta | III Doutrina Deísta | IV Doutrina Dogmática | V Doutrina Espírita.

16 A morte espiritual

17 A vida futura

18 Questões e problemas — As expiações coletivas. Resposta de Clélia Duplantier — Comentários de Allan Kardec

19 O egoísmo e o orgulho

20 Liberdade, igualdade, fraternidade

21 A aristocracia intelecto-moral do futuro

22 Os desertores

23 Breve resposta aos detratores do Espiritismo


SEGUNDA PARTE

EXTRATOS, IN EXTENSO, DO LIVRO DAS PREVISÕES CONCERNENTES AO ESPIRITISMO

Manuscrito composto com especial cuidado por Allan Kardec e do qual nenhum capítulo fora ainda publicado


1 A minha primeira iniciação no Espiritismo

2 Meu Espírito protetor

3 Meu Guia Espiritual

4 Primeira revelação da minha missão

5 Minha missão 1

6 Acontecimentos 1, 2

7 O Livro dos Espíritos 1

8 Minha missão 2

9 O Livro dos Espíritos 2, 3

10 A tiara espiritual

11 Primeira notícia de uma nova encarnação

12 A Revista Espírita

13 Fundação da Sociedade Espírita de Paris

14 Duração dos meus trabalhos

15 Acontecimentos. Papado

16 Minha missão 3

17 Futuro do Espiritismo

18 Minha volta

19 Auto-de-fé em Barcelona. Apreensão dos livros

20 Meu sucessor

21 Imitação do Evangelho

22 A Igreja

23 Vida de Jesus por Renan

24 Precursores da tempestade

25 A nova geração

26 Instrução relativa à saúde do Sr. Allan Kardec

27 Regeneração da Humanidade

28 Marcha gradativa do Espiritismo. Dissidências e obstáculos

29 Publicações espíritas

30 Acontecimentos 3

31 Minha nova obra sobre a Gênese

32 A Gênese

33 Acontecimentos 4

34 Meus trabalhos pessoais. Conselhos diversos

35 Fora da caridade não há salvação (Pensamentos íntimos de Allan Kardec, num documento achado entre os seus papéis.)

36 Projeto 1868 | Estabelecimento central (2) | Ensino espírita (3) | Publicidade (4) | Viagens (5)

37 Constituição do Espiritismo — Exposição de motivos | I Considerações preliminares | II Dos cismas | III O chefe do Espiritismo | IV Comissão central | V Instituições acessórias e complementares da comissão central | VI Amplitude de ação da comissão central | VII Os estatutos constitutivos | VIII Do programa das crenças | IX Vias e meios | X Allan Kardec e a nova constituição

38 Credo espírita — Preâmbulo

APÊNDICE — Um caso de segunda vista


.