Bíblia do Caminho Antigo Testamento

Salmos — Livro II  † 

(Vulgatæ Editionis)

CAPÍTULO 66

(Versículos e sumário)

66 (Para o fim. Cântico do salmo da ressurreição.) Celebrai a Deus todos os da terra;

2 dizei salmo ao seu nome; dai a glória ao seu louvor.

3 Dizei a Deus: Quão terríveis são, Senhor, as tuas obras! Por ocasião do teu grande poder se convencerão de mentira os teus inimigos.

4 A terra toda te adore, e cante a ti salmo; diga salmo ao teu nome.

5 Vinde e vede as obras de Deus; terrível nos conselhos sobre os filhos dos homens.

6 Ele tornou o mar em seco; pelo rio passaram a pé enxuto; ali nos alegraremos com ele.

7 Ele domina pelo seu poder para sempre; os olhos dele estão olhando sobre as gentes; os que o irritam não se ensoberbeçam dentro de si mesmos.

8 Bendizei, ó gentes, o nosso Deus, e fazei que se ouça a voz do seu louvor,

9 O qual tornou a minha alma em vida, e não permitiu que vacilassem os meus pés.

10 Porquanto nos provaste, ó Deus; com fogo nos afinaste como se afina a prata.

11 Puseste-nos em cadeias; carregas-te tribulações sobre nossas costas.

12 Puseste homens sobre as nossas cabeças; passamos pelo fogo e pela água; e nos tiraste para o lugar do refrigério.

13 Entrarei na tua casa com holocaustos, pagar-te-ei os meus votos,

14 Que pronunciaram os meus lábios, e proferiu a minha boca na minha tribulação.

15 Oferecer-te-ei holocaustos pingues, com perfumes de carneiros; oferecer-te-ei bois com cabritos.

16 Vinde, ouvi todos os que temeis a Deus, e vos referirei quão grandes cousas tem feito à minha alma.

17 A ele pela minha boca clamei, e o exaltei com a minha língua.

18 Se eu visse iniquidade pegada no meu coração, não me ouviria o Senhor.

19 Por isso ouviu Deus, e atendeu à voz da minha deprecação.

20 Bendito Deus, que não rejeitou a minha oração, nem apartou a sua misericórdia de mim.



Há imagens desse capítulo, visualizadas através do Google - Pesquisa de livros, nas seguintes bíblias: Padre Antonio Pereira de Figueiredo edição de 1828 | Padre João Ferreira A. d’Almeida, edição de 1850 | A bíblia em francês de Isaac-Louis Le Maistre de Sacy, da qual se serviu Allan Kardec na Codificação. Veja também: Hebrew - English Bible — JPS 1917 Edition; La Bible bilingue Hébreu - Français — “Bible du Rabbinat”, selon le texte original de 1899; Parallel Hebrew Old Testament by John Hurt (Nota importante sobre a enumeração dos salmos)


.

Abrir