Bíblia do Caminho Antigo Testamento

Juízes    † 

(Vulgatæ Editionis)

CAPÍTULO 3

(Versículos e sumário)

3 Estas são as gentes, que o Senhor deixou para instruir por meio delas a Israel, e a todos aqueles que não tinham conhecido as guerras dos Cananeus;

2 Para que depois aprendessem seus filhos a combater contra seus inimigos, e se avezassem a pelejar;

3 Cinco príncipes dos Filisteus, e todos os Cananeus, e os Sidônios, e os Heveus, que habitavam no monte Líbano, desde o monte de Baal-Hermon até à entrada d’Emath;

4 E deixou-os, para provar com eles a Israel, para ver se ele obedecia, ou não aos mandamentos do Senhor, que ele tinha intimado a seus pais por Moisés.

5 Os filhos pois de Israel habitaram no meio dos Cananeus, e dos Hetheus, e dos Amorreus, e dos Ferezeus, dos Heveus, e dos Jebuseus;

6 E tomaram por mulheres as filhas destes, e deram suas filhas aos filhos dos mesmos, e serviram aos seus deuses.

7 E fizeram o mal diante do Senhor, e esqueceram-se do seu Deus, servindo aos Baalins e a Astaroth.

8 Irado pois o Senhor contra Israel, entregou-os às mãos de Cusan Rasathaim rei da Mesopotâmia, e lhe estiveram sujeitos oito anos.

9 E clamaram ao Senhor; que lhes suscitou um salvador, que os livrou, a saber a Othoniel filho de Cenez, irmão mais moço de Caleb;

10 E o espírito do Senhor esteve nele, e julgou a Israel. E saiu à campanha, e o Senhor lhe entregou às mãos a Cusan Rasathaim rei da Síria, e o derrotou.

11 E ficou a terra em paz quarenta anos, e morreu Othoniel filho de Cenez.

12 Então tornaram os filhos de Israel a fazer o mal diante do Senhor; que levantou contra eles a Eglon rei de Moab; porque tinham pecado na sua presença.

13 E lhe uniu os filhos d’Ammon, e d’Amelec, e se avançou, e derrotou a Israel, e se apoderou da cidade das Palmeiras.

14 E serviram os filhos de Israel a Eglon rei de Moab dezoito anos;

15 E depois disto clamaram ao Senhor; o qual lhes suscitou um salvador por nome Aod, filho de Gera, filho de Jemini, que se servia de ambas as mãos como da direita. E por ele mandaram os filhos de Israel seus presentes a Eglon rei de Moab.

16 O qual Aod mandou fazer para si uma adaga, que tinha os copos da largura da palma da mão, e a cingiu debaixo do vestido ao lado direito.

17 E presenteou os regalos a Eglon rei de Moab. E Eglon era em extremo gordo.

18 E depois de lhe ter apresentado os regalos, foi seguindo os companheiros, que tinham vindo com ele.

19 E voltando de Galgala, onde estavam os ídolos, disse ao rei: Tenho que dizer-te, ó rei, uma palavra em segredo. E ele lhe mandou que se calasse; e tendo saído para fora todos os que o rodeavam,

20 Entrou Aod a ele; e estando o rei só sentado no seu quarto de verão, lhe disse: Tenho que dizer-te uma palavra da parte de Deus. O rei se levantou logo do seu trono.

21 E Aod estendendo a sua mão esquerda, tirou a adaga do lado direito, e lha cravou no ventre,

22 Com tanta força, que os copos entraram com a folha pela ferida, e ficou apertada na muita gordura. E não tirou a adaga; mas como a cravou, assim a deixou no corpo; e logo os excrementos do ventre saíram pelas suas vias naturais.

23 Aod porém tendo muito bem fechado e segurado com o ferrolho as portas do quarto,

24 Saiu por um postigo. E entrando os criados do rei viram fechadas as portas do quarto, e disseram: Talvez esteja aliviando o ventre no seu quarto de verão.

25 E esperando muito tempo até ficarem confusos, e vendo que ninguém lhes abria, tomaram a chave; e abrindo acharam a seu amo estendido morto em terra.

26 E enquanto eles estavam nesta turbação, saiu Aod, e passou pelo lugar dos ídolos, donde tinha voltado atrás. E chegou a Seirath;

27 E logo tocou a trombeta no monte de Efraim; e os filhos de Israel desceram com ele, marchando na frente.

28 O qual lhes disse: Segui-me; porque o Senhor entregou em nossas mãos os moabitas nossos inimigos. E desceram seguindo-o, e tomaram os vaus do Jordão, por onde se vai a Moab, e não deixaram passar a nenhum;

29 Mas mataram desta feita perto de dez mil moabitas, todos homens robustos e esforçados; nenhum deles pode escapar.

30 E neste dia ficou Moab humilhado debaixo da mão de Israel; e a terra ficou em paz oitenta anos.

31 Depois deste foi Samgar filho de Anath, que matou a seiscentos Filisteus com a relha dum arado; e ele mesmo defendeu a Israel.



Há imagens desse capítulo, visualizadas através do Google - Pesquisa de livros, nas seguintes bíblias: Padre Antonio Pereira de Figueiredo edição de 1828 | Padre João Ferreira A. d’Almeida, edição de 1850 | A bíblia em francês de Isaac-Louis Le Maistre de Sacy, da qual se serviu Allan Kardec na Codificação. Veja também: A versão Corrigida e revisada, fiel de Almeida; A Hebrew - English Bible — JPS 1917 Edition; La Bible bilingue Hébreu - Français — “Bible du Rabbinat”, selon le texte original de 1899; Parallel Hebrew Old Testament by John Hurt


.

Abrir