Bíblia do Caminho Antigo Testamento

Esther   † 

(Vulgatæ Editionis)

CAPÍTULO 5

(Versículos e sumário)

5 Ao terceiro dia tomou Esther vestidos reais, e apresentou-se no quarto interior do palácio real, defronte da sala do rei; e ele estava sentado sobre o seu trono no fundo do palácio defronte da porta da sala.

2 E tendo visto parada a rainha Esther, ficou dela agradado, e estendeu para ela o cetro de ouro, que tinha na mão. E chegando-se Esther, beijou a ponta do seu cetro.

3 E o rei lhe disse: Que é o que queres, rainha Esther? Que petição é a tua? Ainda quando tu me peças metade do reino, se te dará.

4 E ela respondeu: Se agrada ao rei, suplico que venhas hoje ao meu quarto, e Aman contigo a um banquete, que tenho disposto.

5 E o rei sem mais demora disse: Chamai logo a Aman para que obedeça à vontade de Esther. Vieram pois o rei e Aman ao banquete, que a rainha lhes havia aparelhado.

6 E o rei lhe disse, depois de bem farto de vinho: Que desejas tu que eu te dê? E que é o que me pedes? Ainda que tu me peças metade do meu reino, a alcançarás.

7 E Esther lhe respondeu: A minha petição, e os meus rogos são estes:

8 Se tenho achado graça diante do rei, e se ao rei lhe apraz conceder-me o que peço, e cumprir a minha petição; venha o rei e Aman ao banquete que lhes tenho aparelhado, e amanhã declararei ao rei a minha vontade.

9 Saiu pois Aman aquele dia alegre e contente. E havendo visto a Mardoqueu sentado às portas do palácio, e que não só não se havia levantado para o cortejar, senão que nem sequer se havia movido do seu assento, se irritou em extremo;

10 E dissimulando a ira, voltou para sua casa e convocou os seus amigos, e a Zarés sua mulher;

11 E patenteou-lhe a grandeza das suas riquezas, e o grande número de seus filhos, e a alta glória a que o rei o tinha elevado sobre todos os grandes e seus cortesãos.

12 E acrescentou depois disto: A rainha Esther a nenhum outro chamou para o banquete com o rei, senão a mim; e amanhã tenho de comer também no seu quarto com o rei.

13 Mas ainda que tenho tudo isto, nada me parece ter, enquanto vir o Judeu Mardoqueu assentado diante das portas do palácio.

14 E Zarés sua mulher, e os outros amigos lhe responderam: Manda levantar uma viga bem grande, que tenha cinquenta côvados de altura, e dize pela manhã ao rei que faça pendurar nela a Mardoqueu, e assim irás alegre para o banquete com o rei. Agradou-lhe o conselho, e mandou que se preparasse uma cruz bem alta.



Há imagens desse capítulo, visualizadas através do Google - Pesquisa de livros, nas seguintes bíblias: Padre Antonio Pereira de Figueiredo edição de 1828 | Padre João Ferreira A. d’Almeida, edição de 1850 | A bíblia em francês de Isaac-Louis Le Maistre de Sacy, da qual se serviu Allan Kardec na Codificação. Veja também: A versão Corrigida e revisada, fiel de Almeida; A Hebrew - English Bible — JPS 1917 Edition; La Bible bilingue Hébreu - Français — “Bible du Rabbinat”, selon le texte original de 1899; Parallel Hebrew Old Testament by John Hurt


.

Abrir