Bíblia do Caminho Antigo Testamento

Deuteronômio    † 

(Vulgatæ Editionis)

CAPÍTULO 33

(Versículos e sumário)

33 Esta é a bênção, que deu Moisés, homem de Deus, aos filhos de Israel, antes da sua morte.

2 E disse: O Senhor veio de Sinai, e nasceu de Seir para nós; apareceu sobre o monte Faran, e milhares de santos com ele. Na sua direita vinha a lei do fogo.

3 Ele amou os povos; todos os santos estão na sua mão; e os que se chegam a seus pés, receberão da sua doutrina.

4 Moisés nos prescreveu a lei para ser a herança de todos os filhos de Jacob.

5 Será junto do retíssimo o rei, estando congregados os príncipes do povo com as tribos de Israel.

6 Viva Ruben, e não morra, mas ele seja em pequeno número.

7 Esta é a bênção de Judá. Ouve, Senhor, a voz de Judá, e introduze-o no seu povo; as suas mãos pelejarão por ele e ele será o seu protetor contra os seus adversários.

8 Disse também a Levi: A tua perfeição, e a tua doutrina é para o teu santo varão, que tu provaste na Tentação, e julgaste nas Águas da Contradição.

9 Os que disseram a seu pai, e a sua mãe: Eu não vos conheço. E a seus irmãos: Eu não sei quem vós sois. E que não conheceram seus próprios filhos. Estes são os que executaram a sua palavra, e os que guardaram o teu pacto,

10 Os teus juízos, ó Jacob, e a tua lei, ó Israel; estes oferecerão incenso no tempo do teu furor, e porão o holocausto sobre o teu altar.

11 Abençoa, Senhor, a sua fortaleza, e aceita as obras das suas mãos. Fere as costas dos seus inimigos; e os que o aborrecem, não se levantem.

12 Disse também a Benjamim: O muito amado do Senhor habitará nele confiadamente; morará como em tálamo nupcial todo o dia, e descansará entre os seus braços.

13 Disse também a José: A tua terra seja cheia das bênçãos do Senhor, dos frutos do céu, e do orvalho, e do abismo que está debaixo.

14 Dos frutos produzidos por virtude do sol, e da lua;

15 Dos frutos, que crescem sobre os montes antigos, e sobre os outeiros eternos;

16 E dos frutos da terra, e de toda a sua abundância. A bênção daquele, que apareceu na sarça, venha sobre a cabeça de José, e sobre o alto da cabeça do escolhido entre seus irmãos.

17 A sua formosura é como a do primogênito do touro; os seus cornos são como os cornos do rinoceronte; com eles levantarás ao ar todas as gentes até às extremidades da terra; tais são as tropas inumeráveis d’Efraim; e tais são os milhares de Manassés.

18 Disse também a Zabulon; Alegra-te Zabulon, na tua saída, e tu, Issacar, nas tuas tendas.

19 Eles chamarão os povos ao monte; aí imolarão vítimas de justiça. Eles chuparão como leite as riquezas do mar, e os tesouros escondidos nas areias.

20 Disse também a Gad: Bendito Gad na vastidão da sua partilha; ele repousou como leão, e arrebatou o braço e a cabeça.

21 Ele conheceu a sua prerrogativa, porquanto na sua partilha estava depositado o chefe; ele andou com os príncipes do seu povo, e observou as leis do Senhor, e as suas ordens com Israel.

22 Disse também a Dan: Dan, cachorro de leão se estenderá largamente desde Basan.

23 Disse mais a Nefthali; Nefthali gozará da abundância, e será cheio das bênçãos do Senhor; possuirá o mar e o Meio-dia.

24 Disse outrossim a Aser: Bendito Aser entre os filhos, ele caia em graça a seus irmãos e banhe em azeite o seu pé.

25 O ferro e o bronze serão seu calçado. Os dias da tua velhice sejam como os da tua mocidade.

26 Não há outro Deus, como o Deus do retíssimo; e teu protetor é aquele que sobe ao mais alto dos céus. Pelo seu poder correm as nuvens,

27 A sua habitação é lá no alto, e cá em baixo seus braços eternos; ele fará fugir da tua presença o inimigo, e dirá: Sê reduzido a pó.

28 Israel habitará em plena segurança, e habitará só. Os olhos de Jacob verão a sua terra cheia de pão e de vinho, e os céus se escurecerão com o orvalho.

29 Bem-aventurado tu, ó Israel; quem é semelhante a ti, ó povo, que és salvo em o Senhor? Ele é o escudo do teu socorro, e espada da tua glória. Os teus inimigos não te reconhecerão, mas tu lhes porás o pé no pescoço.



Há imagens desse capítulo, visualizadas através do Google - Pesquisa de livros, nas seguintes bíblias: Padre Antonio Pereira de Figueiredo edição de 1828 | Padre João Ferreira A. d’Almeida, edição de 1850 | A bíblia em francês de Isaac-Louis Le Maistre de Sacy, da qual se serviu Allan Kardec na Codificação. Veja também: A versão Corrigida e revisada, fiel de Almeida; A Hebrew - English Bible — JPS 1917 Edition; La Bible bilingue Hébreu - Français — “Bible du Rabbinat”, selon le texte original de 1899; Parallel Hebrew Old Testament by John Hurt


.

Abrir