Bíblia do Caminho Antigo Testamento

2º Livro dos Reis    † 

(Vulgatæ Editionis)

CAPÍTULO 13

(Versículos e sumário)

13 No ano vinte e três de Joás, filho de Ocozias, rei de Judá, reinou Joaccáz, filho de Jehu, sobre Israel em Samaria dezessete anos.

2 E obrou o mal diante do Senhor, e seguiu os pecados de Jeroboão filho de Nabat, que tinha feito pecar a Israel e não se apartou deles.

3 E acendeu-se o furor do Senhor contra Israel, e os entregou todo este tempo nas mãos de Hazael, rei da Síria, e nas mãos de Benadad, filho de Hazael.

4 Mas Joaccáz fez uma oração diante da face do Senhor, e o Senhor o ouviu; pois viu o aperto de Israel, porque os tinha destroçado o rei da Síria;

5 E o Senhor deu um salvador a Israel, e ele foi livre da mão do rei da Síria; e os filhos de Israel habitaram nas suas tendas como dantes.

6 Eles todavia se não apartaram dos pecados da casa de Jeroboão, que tinha feito pecar a Israel, mas caminharam neles; porque até o bosque permaneceu em Samaria.

7 E não tinham ficado a Joaccáz do povo senão cinquenta cavaleiros, e dez coches, é dez mil homens de pé; porque o rei da Síria os tinha morto, e os tinha reduzido como o pó da eira onde se debulha.

8 O resto das ações de Joaccáz, e todos os seus feitos, e o seu valor, estão escritos no livro dos anais dos reis de Israel.

9 E Joaccáz adormeceu com seus pais, e o sepultaram em Samaria; e Joás, seu filho, reinou em seu lugar.

10 No ano trinta e sete de Joás, rei de Judá, reinou Joás, filho de Joaccáz, sobre Israel em Samaria por espaço de dezesseis anos,

11 E obrou o que é mau diante do Senhor; não se apartou de pecado nenhum de Jeroboão, filho de Nabat, que tinha feito pecar a Israel, mas neles andou.

12 O resto porém das ações de Joás, e tudo o que ele fez, e o seu valor, e como pelejou contra Amasias rei de Judá, tudo isto está escrito no livro dos anais dos reis de Israel.

13 E Joás adormeceu com seus pais; e Jeroboão subiu ao seu trono. Mas Joás foi sepultado em Samaria com o reis de Israel.

14 E Eliseu estava doente da enfermidade de que morreu; e Joás rei de Israel o veio ver, e chorava diante dele, e dizia: Meu pai, meu pai, tu és o carro de Israel e seu condutor.

15 E Eliseu lhe disse: Traze-me cá o arco, e flechas. E como lhe trouxesse um arco, e flechas,

16 Eliseu disse ao rei de Israel: Põe a tua mão sobre o arco. E tendo ele posto a sua mão, Eliseu pôs as suas mãos sobre as do rei,

17 E disse: Abre a janela que olha para o Oriente. E tendo-a aberto, disse Eliseu: Atira com uma flecha. E a atirou. E Eliseu disse: Flecha da salvação do Senhor, flecha da salvação contra a Síria; e tu ferirás a Síria em Afec, até a consumires.

18 E disse: Pega das flechas. E tendo o rei pegado delas, disse-lhe outra vez: Fere a terra com a flecha. E tendo ele ferido três vezes, e parando,

19 E homem de Deus se enfadou com ele, e disse: Se tiveras ferido a terra cinco, ou seis, ou sete vezes, terias derrotado a Síria até à sua total ruína; mas agora só a derrotarás três vezes.

20 Morreu pois Eliseu e o enterraram. Neste mesmo ano porém vieram uns ladrões de Moab sobre a terra,

21 E uns que estavam enterrando um homem, viram os ladrões, e lançaram o cadáver no sepulcro de Eliseu. E tanto que o cadáver tocou os ossos de Eliseu, ressuscitou o homem, e se levantou sobre os seus pés.

22 Hazael, porém, rei da Síria, tinha afligido a Israel por todo o reinado de Joaccáz;

23 E compadeceu-se o Senhor deles, e tornou para eles por causa do pacto que tinha feito com Abraão, e Isaac, e Jacob, e não os quis perder, nem rejeitar inteiramente até o presente tempo.

24 E morreu Hazael, rei da Síria, e reinou por ele seu filho Benadad.

25 Mas Joás, filho de Joaccáz, recobrou de Benadad, filho de Hazael, as cidades, que este havia tomado a Joaccáz seu pai pelo direito da guerra, e Joás o bateu por três vezes, e restituiu a Israel as cidades.



Há imagens desse capítulo, visualizadas através do Google - Pesquisa de livros, nas seguintes bíblias: Padre Antonio Pereira de Figueiredo edição de 1828 | Padre João Ferreira A. d’Almeida, edição de 1850 | A bíblia em francês de Isaac-Louis Le Maistre de Sacy, da qual se serviu Allan Kardec na Codificação. Veja também: A versão Corrigida e revisada, fiel de Almeida; A Hebrew - English Bible — JPS 1917 Edition; La Bible bilingue Hébreu - Français — “Bible du Rabbinat”, selon le texte original de 1899; Parallel Hebrew Old Testament by John Hurt


.

Abrir