Bíblia do Caminho Antigo Testamento

2º Livro das Crônicas  † 

(Vulgatæ Editionis)

CAPÍTULO 12

(Versículos e sumário)

12 Firmado pois e fortalecido o reino de Roboão, deixou este a lei do Senhor, e com ele todo o Israel.

2 Mas no quinto ano do reinado de Roboão, marchou Sesac, rei do Egito, contra Jerusalém (porque tinham pecado contra o Senhor),

3 Com mil e duzentas carroças de guerra, e sessenta mil homens de cavalo; e era inumerável a populaça que com ele tinha vindo do Egito, a saber, os Líbios, e os Trogloditas, e os Etíopes.

4 E ele se apoderou das praças mais fortes de Judá, e chegou até Jerusalém.

5 E o profeta Semeias veio ter com Roboão, e com os príncipes de Judá, que se tinham ajuntado em Jerusalém, fugindo de Sesac, e lhes disse: eis aqui o que diz o Senhor: Vós desamparastes-me, e eu vos desamparei também nas mãos de Sesac.

6 E consternados os príncipes de Israel e o rei disseram: O Senhor é justo.

7 E vendo o Senhor, que se tinham humilhado, o Senhor fez ouvir a sua palavra a Semeias, dizendo: Pois que eles se humilharam, eu os não perderei, mas dar-lhes-ei algum socorro, e não farei cair o meu furor sobre Jerusalém por mão de Sesac.

8 Todavia eles lhe ficarão sujeitos, para conhecerem a diferença que há entre o servir-me a mim, e o servir os reis da terra.

9 Sesac pois, rei do Egito, se retirou de Jerusalém, depois de ter tirado os tesouros da casa do Senhor, e do palácio do rei, e levou tudo consigo, e os escudos de ouro, que Salomão tinha mandado fazer,

10 Em lugar dos quais mandou o rei fazer outros de bronze, e os entregou aos capitães dos escudeiros, que guardavam o átrio do palácio.

11 E quando o rei entrava na casa do Senhor, vinham os escudeiros, e os tomavam, e depois tornavam-nos a levar para o seu arsenal.

12 Mas porque eles se tinham humilhado, se apartou de cima deles a ira do Senhor, e não foram de todo extintos; porque ainda se acharam obras boas em Judá.

13 Fortificou-se pois o rei Roboão em Jerusalém, e reinou; e tinha quarenta e um anos quando começou a reinar, e reinou dezessete anos em Jerusalém, cidade que o Senhor tinha escolhido entre todas as das tribos de Israel, para nela estabelecer o seu nome. E sua mãe chamava-se Naama Ammonita.

14 Mas ele fez o mal, e não preparou o seu coração para buscar o Senhor.

15 As ações porém de Roboão, assim as primeiras como as últimas, estão escritas nos livros do profeta Semeias, e de Addo o vidente, e expostas com diligência. E Roboão, e Jeroboão tiveram guerra entre si em todos os seus dias.

16 E Roboão adormeceu com seus pais, e foi sepultado na cidade de David; e em seu lugar reinou seu filho Abia.



Há imagens desse capítulo, visualizadas através do Google - Pesquisa de livros, nas seguintes bíblias: Padre Antonio Pereira de Figueiredo edição de 1828 | Padre João Ferreira A. d’Almeida, edição de 1850 | A bíblia em francês de Isaac-Louis Le Maistre de Sacy, da qual se serviu Allan Kardec na Codificação. Veja também: Hebrew - English Bible — JPS 1917 Edition; La Bible bilingue Hébreu - Français — “Bible du Rabbinat”, selon le texte original de 1899; Parallel Hebrew Old Testament by John Hurt.


.

Abrir