Bible of the WayBíblia do Caminho  † Testamento Redentor

Índice Página inicial Próximo Capítulo

O Evangelho segundo S. João  Ee 

(Vulgatæ Editionis)

 

CAPÍTULO 20

 

A ressurreição de Jesus. Aparece a Madalena e depois aos discípulos. A incredulidade e confissão de Tomé. (Nota do Tradutor)

 

A ressurreição de Jesus  Ee 

Mt = Mc = Lc

 

20  Então, no sábado de manhã, estando ainda escuro, veio Maria Madalena ao sepulcro e viu que a campa havia sido removida.

2 Correu pois, e foi ter com Simão Pedro e com o outro discípulo a quem Jesus amava, e disse-lhes: Levaram o Senhor do sepulcro, e não sabemos onde o puseram.

3 Saiu então Pedro e aquele outro discípulo, e foram ao sepulcro.

4 Ora, eles corriam juntos, mas aquele outro discípulo correu mais do que Pedro, e levando-lhe a dianteira chegou primeiro ao sepulcro.

5 E tendo-se abaixado, viu os lençóis postos no chão mas todavia não entrou.

6 Chegou pois Simão Pedro que o seguia e entrou no sepulcro, e viu postos no chão os lençóis,

7 E o lenço, que estivera sobre a cabeça de Jesus, o qual não estava com os lençóis, mas estava dobrado num lugar à parte.

8 Então entrou também aquele discípulo, que havia chegado primeiro ao sepulcro, e viu e creu;

9 Porque ainda não entendiam a Escritura, que importava que ele ressuscitasse dentre os mortos.

10 E voltaram de novo os discípulos para sua casa.

 

Aparição a Maria Madalena  Ee 

Mt = Mc

 

11 Maria porém conservava-se em pé do lado de fora do sepulcro, chorando. Em prantos abaixou-se e olhou para ver o sepulcro.

12 E viu dois anjos vestidos de branco, assentados no lugar onde fora posto o corpo de Jesus, um à cabeceira e outro aos pés.

13 Os quais lhe disseram: Mulher, por que choras? Respondeu-lhes ela: Porque levaram o meu Senhor, e não sei onde o puseram.

14 Ditas estas palavras olhou para trás, e viu a Jesus em pé: sem saber contudo que era Jesus.

15 Disse-lhe Jesus: Mulher, por que choras? Ela, julgando que era o hortelão, disse-lhe: Senhor, se tu o tiraste, dize-me onde o puseste e eu o levarei.

16 Disse-lhe Jesus: Maria. Ela voltando-se, lhe disse: Rabboni (que quer dizer Mestre).

17 Então Jesus lhe disse: Não me toques, porque ainda não subi a meu Pai, mas vai a meus irmãos, e dize-lhes que vou para meu Pai, e vosso Pai, para meu Deus, e vosso Deus.

18 Veio Maria Madalena dar aos discípulos a nova de que ela tinha visto o Senhor, e de que ele lhe havia dito estas coisas.

 

Aparição de Jesus ressuscitado aos onze na Galileia  Ee 

Mt = Mc = Lc

 

19 Chegada porém que foi a tarde daquele mesmo dia, que era o primeiro da semana, e estando fechadas as portas da casa, onde os discípulos se achavam juntos, por medo que tinham dos judeus, veio Jesus, e pôs-se em pé no meio deles, e disse-lhes: Paz seja convosco.

20 E dito isto, mostrou-lhes as mãos, n  e o lado. n  Alegraram-se pois os discípulos de terem visto o Senhor.

21 E ele lhes disse segunda vez: Paz seja convosco. Assim como o Pai me enviou, eu envio a vós.

22 Tendo dito estas palavras, assoprou sobre eles, e disse-lhes: Recebei o Espírito Santo;

23 Aos que vós perdoardes os pecados, ser-lhes-ão eles perdoados; e aos que vós os retiverdes, ser-lhes-ão eles retidos.

 

Nova aparição aos discípulos, dissipando a incredulidade de Tomé  Ee 

 

24 Porém Tomé, um dos doze, que se chama Dídimo, não estava com eles quando veio Jesus.

25 Disseram-lhe pois os outros discípulos: Nós vimos o Senhor. Mas ele lhes disse: Se eu não vir nas suas mãos a abertura dos cravos, se não colocar o meu dedo no lugar dos cravos e se não puser a minha mão no seu lado, não acreditarei.

26 Oito dias depois, estavam os seus discípulos outra vez reunidos, e Tomé com eles. Veio Jesus às portas fechadas, e pôs-se em pé no meio, e disse: Paz seja convosco.

27 Logo disse a Tomé: Põe aqui o teu dedo e vê as minhas mãos,  n  chega também a tua mão, e coloca-a no meu lado,  n  e não sejas incrédulo, mas fiel.

28 Respondeu Tomé, e disse-lhe: Senhor meu, e Deus meu.

29 Disse-lhe Jesus: Porque me viste, Tomé, creste? Bem-aventurados os que não viram e creram.

 

Muitos prodígios não foram escritos

 

30 Muitos outros prodígios ainda fez Jesus em presença de seus discípulos, que não foram escritos neste livro.

31 Mas foram escritos estes, a fim de que vós creiais que Jesus é o Cristo, filho de Deus; e de que crendo-o assim, tenhais a vida em seu nome.

 


Há imagens desse capítulo, visualizadas através do Google - Pesquisa de livros, nas seguintes bíblias: Padre Antonio Pereira de Figueiredo edição de 1828 | Padre João Ferreira A. d’Almeida, edição de 1850 | A bíblia em francês de Isaac-Louis Le Maistre de Sacy, da qual se serviu Allan Kardec na Codificação.

Veja também as seguintes versões: Corrigida e revisada, fiel de Almeida; Novum Testamentum Graece 28th revised edition. Edited by Barbara Aland and others; Parallel Greek New Testament by John Hurt